Tamanho do texto

Capitão foi diagnosticado com uma "lesão muscular na região isquiotibial de sua perna" após partida da Liga dos Campeões

Diego Godin está fora do jogo contra o Brasil
Arquivo iG
Diego Godin está fora do jogo contra o Brasil

A seleção uruguaia não poderá contar com seu capitão no confronto diante do Brasil pelas Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa do Mundo de 2018. Nesta quarta-feira, a associação de futebol do país anunciou o corte do zagueiro Diego Godín, que se lesionou quando defendia o Atlético de Madrid na última terça.

E mais

Em busca de vaga na Copa, Jordânia contrata ex-Tottenham para comissão técnica

Fifa admite pela 1ª vez que votos para escolha de sedes da Copa foram comprados

Godín precisou ser substituído no final do segundo tempo do empate por 0 a 0 diante do PSV, pelas oitavas da Liga dos Campeões, sentindo dores na coxa. Ele passou por exames e foi diagnosticado com uma "lesão muscular na região isquiotibial de sua perna", conforme informou a associação uruguaia.

Por causa da lesão, Godín já foi cortado e não integrará a seleção uruguaia em seus dois próximos compromissos pelas Eliminatórias. O zagueiro ficará de fora da partida contra o Brasil, no próximo dia 25, no Recife, mas também do confronto diante do Peru, quatro dias depois, em Montevidéu.

Além de um dos melhores zagueiros da atualidade, a seleção uruguaia perde também um de seus líderes. Sem Godín, o técnico Óscar Tabárez definiu os 25 atletas que representarão o país contra Brasil e Peru, com destaque para Luis Suárez, que volta a disputar partidas oficiais pela seleção após a suspensão pela mordida em Chiellini na Copa do Mundo de 2014.