Tamanho do texto

Entidade máxima da América do Sul se adequou aos principais torneios continentais do mundo com as novas medidas

River Plate foi campeão da Copa Libertadores em 2015
Arquivo iG
River Plate foi campeão da Copa Libertadores em 2015

Um dia depois da bola rolar para o primeiro jogo da fase inicial da Copa Libertadores de 2016, a Conmebol (Confederação Sul-Americana de Futebol) anunciou nesta quarta-feira mais um aumento nos prêmios do principal torneio de clubes da América do Sul. No final do ano passado, os clubes participantes ameaçaram boicotar o torneio por conta dos prêmios baixos.

Leia mais:  São Paulo tenta confirmar bom retrospecto do País na 1ª fase da Libertadores

Desta forma, a entidade passará a pagar 600 mil dólares (cerca de R$ 2,4 milhões) por jogo como mandante na fase de grupos, em um total de 1,8 milhão de dólares (R$ 7,1 milhões) com os três jogos. Em 2015, por exemplo, os clubes receberam 300 mil dólares (R$ 1,2 milhão), ou seja, metade do valor, por partida como mandante. 

Leia mais:  Conheça o estádio no qual o São Paulo iniciará a busca do tetra da Libertadores

Em dezembro, a Conmebol havia anunciado um aumento nas premiações, que seriam de 450 mil dólares, ou seja, 150 mil a menos do que o novo valor.

Alejandro Domínguez já realiza mudanças no início de seu mandato
Reprodução/Twitter
Alejandro Domínguez já realiza mudanças no início de seu mandato

Outra mudança anunciada é que a Confederação deixará de cobrar uma taxa de 10% da receita bruta de cada jogo, em resposta aos cabeças de chave da competição no final de janeiro. 

"Estas medidas respondem a uma solicitação para a Confederação no final de janeiro pelos cabeças de chave da Copa Libertadores para mudar o regime de distribuição das receitas aos clubes participantes", diz comunicado no site oficial. 

A justificativa da Conmebol é de essa nova divisão de renda é semelhante a outros torneios ao redor do mundo.

E ainda:  Conmebol anuncia anistia de punições e beneficia Boca Juniors

"A melhoria para os clubes que representa uma distribuição total de mais de 70% das receitas de contratos de transmissão, publicidade e patrocínio de competições de clubes continentais", acrescenta.

Sendo assim, o campeão da Copa Libertadores 2016 poderá ganhar 7,75 milhões de dólares (R$ 30,6 milhões), caso tenha iniciado sua participação na fase de grupos ou 8,15 milhões de dólares (R$ 32,2 milhões), se começar na primeira fase, como o São Paulo.

Essas medidas são as primeiras do novo presidente da entidade, Alejandro Dominguez, aclamado no final do mês passado.