Tamanho do texto

Ex-treinador e ídolo do clube serão ouvidos pelo técnico argentino para se adaptar e entender o São Paulo em 2016

Edgardo Bauza é o novo técnico do São Paulo
Reprodução
Edgardo Bauza é o novo técnico do São Paulo

Um ficou 25 anos dentro do São Paulo  e o outro pouco mais de cinco meses, mas Edgardo Bauza quer ouvir dois personagens importantes da história recente do clube para se adaptar: Rogério Ceni e Juan Carlos Osório.

Leia Mais:  Edgardo Bauza é apresentado como novo técnico do São Paulo

Durante sua apresentação, o treinador afirmou que teve conversas com o colombiano, ex-treinador da equipe, para conhecer um pouco mais o momento do clube e disse que continuará em contato com o técnico da seleção mexicana.

"Vou continuar falando com ele. Vai me servir para ter uma análise muito melhor. Temos uma boa relação. Vai ser de muita ajuda a opinião que ele tem. Já falamos da equipe, dos jogadores", afirmou o novo comandante.

Osório estreou no São Paulo no dia 6 de junho, em vitória contra o Grêmio  e, depois de muita pressão política e perda de jogadores, deixou o comando da equipe para assumir a seleção do México em outubro.

O técnico Juan Carlos Osorio será ouvido pelo novo comandante do São Paulo
Rubens Chiri/saopaulofc.net
O técnico Juan Carlos Osorio será ouvido pelo novo comandante do São Paulo

Outro nome que será ouvido pelo novo técnico é o de Rogério Ceni. Apesar de lamentar não ter trabalhado com o ex-goleiro, Bauza exaltou o ídolo afirmou que ouví-lo será importante para entender o que o time passou em 2015 e, assim, preparar a próxima temporada.

Leia também: Bauza quer conversar com Lugano antes de avalizar contratação

"Foi por muito pouco que não estive com ele. É um ídolo, sempre vai estar aí. Ídolos são intocáveis. Vou me encontrar com ele também, vai ser útil para me falar o que viveu nesse último ano", disse Patón.

    Leia tudo sobre: Futebol

    Notícias Recomendadas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.