Tamanho do texto

Rivais históricos, países disputam amistoso nesta terça-feira, às 18h (de Brasília), em Londres, em clima de apoio aos franceses depois dos ataques realizados em Paris na sexta-feira passada


Houve a possibilidade de o jogo ser cancelado, mas a federação francesa insistiu para que ele fosse disputado. Nesta terça-feira, às 18h (horário de Brasília, a França volta a campo para jogar a Inglaterra, em Londres, tentando dar uma prova de força e também algum alento a uma população abalada pelos ataques terroristas realizados em Paris, na última sexta-feira. 

Os atentados começaram justamente quando os Bleus  enfrentavam a Alemanha , também em um amistoso, no Stade de France, nos arredores da capital francesa. Durante a partida, explosões ocorreram do lado de fora do estádio,  provocadas supostamente por homens-bomba. Tiroteios em diversas partes da cidade deixaram pelo menos 129 mortos e centenas de feridos. 

Leia também
Amistoso entre Bélgica e Espanha é cancelado por risco "elevado" de atentado

Para o jogo desta terça, então, a mídia inglesa, com jornais como "The Guardian" e "Daily Mirror", tem feito uma forte campanha para que os torcedores locais deixem a rivalidade histórica entre os países de lado e manifestem todo o apoio possíveis aos franceses no Wembley. Os meios incentivam, inclusive, que os espectadores cantem "La Marseillaise" (a Marselhesa), o hino francês, antes do apito inicial. 

O arco do estádio londrino já está iluminado pelas cores da bandeira francesa. Na fachada, o lema histórico do Iluminismo: "Liberdade, igualdade, fraternidade".

Veja o momento em que se houve explosões durante França x Alemanha:


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.