Tamanho do texto

Segundo jornal inglês 'Daily Mirror', novo contrato seria de dois anos, com bônus e incentivos; vínculo vai até o ano que vem

Guardiola coleciona títulos no comando do Bayern de Munique
Matthias Schrader/AP
Guardiola coleciona títulos no comando do Bayern de Munique

A diretoria do Bayern de Munique teria oferecido 17 milhões de euros por ano para que o técnico Pep Guardiola não deixe a Alemanha ao fim de seu contrato, segundo o jornal 'Daily Mirror'. Os dirigentes estariam preocupados com a sondagem de times ingleses.

O Chelsea, do russo Roman Abramovich, seria o primeiro a querer o técnico para a próxima temporada, já que Mourinho está tendo dificuldades neste começo de campeonato. Arsenal e ambos os times de Manchester também estariam sondando Guardiola.

Leia também: Internautas zombam da má fase do Chelsea no facebook

O novo contrato prevê mais dois anos (até 2018) incluindo bônus e incentivos. Porém, o espanhol estaria interessado em apenas um ano e ainda assim, manteria suas chances em aberto. Hoje, Guardiola é o técnico mais bem pago do mundo - 14 milhões de euros - Mourinho é o segundo com 12 milhões de euros. 

O assessor do treinador desconhecer sobre a renovação "Não sei quais são as intenções de Guardiola. Temos conversado intensamente nos últimos dias, mas quando se trata de contratos ele é muito particular. Ele está muito feliz", explicou ao jornal.

Chefe executivo do Bayern, Karl-Heinz Rummenigge, pretende decidir o futuro do comando da equipe já na pausa de inverno da Bundesliga, que ocorre no mês que vem.

Leia também: Felipão é eleito técnico do ano no chinês; Goulart é o melhor atacante

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas