Tamanho do texto

Depois de ficar com a segunda colocação do Mundial de Motovelocidade, Valentino Rossi disparou contra o companheiro de equipe e seu desafeto na competição

Valentino Rossi dispara contra espanhóis
Getty Images
Valentino Rossi dispara contra espanhóis


O Mundial de Motovelocidade chegou ao fim neste último domingo, consagrando Jorge Lorenzo como campeão. No entanto, Valentino Rossi, segundo colocado na competição, segue remoendo situações que aconteceram ao longo do campeonato. 

Em entrevista após o término do GP de Valência, Rossi afirmou que Lorenzo - seu companheiro de equipe - "tem sido estúpido". Além disso, não esqueceu seu maior desafeto do ano, Marc Márquez, dizendo que tem sido doloroso competir com o espanhol. 

Rossi proferiu tais palavras contra Marc por considerar que o segundo colocado no GP de Valência estaria procurando meios de prejudicá-lo e, assim, favorecer Lorenzo, seu compatriota. O italiano já havia chamado Marc de "guarda-costas" do campeão mundial, acusando-o de ter reduzido o ritmo propositalmente na etapa da Austrália, beneficiando o espanhol. 

Além do suposto favorecimento a Lorenzo, Rossi e Marc também tiveram uma grande desavença no GP da Malásia - prova que antecedeu a última etapa. Durante uma tentativa de ultrapassagem, Rossi empurrou Marc com o pé, derrubando e tirando o espanhol da disputa. Por conta da manobra, Rossi foi punido e largou da última posição no GP de Valência, conseguindo apenas a quarta colocação. Se tivesse ficado ao menos na segunda posição, teria conquistado o título. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.