Tamanho do texto

Em entrevista coletiva no Paraguai, o zagueiro desconversou sobre volta ao Morumbi e se mostrou motivado para jogar Libertadores pelo Cerro

Lugano quer disputar a Libertadores 2016 pelo Cerro
Divulgação/Cerro Porteño
Lugano quer disputar a Libertadores 2016 pelo Cerro

Sonho de consumo da torcida e de parte da diretoria do São Paulo, o zagueiro uruguaio Diego Lugano, atualmente no Cerro Porteño, deu entrevista coletiva na qual deixou em aberto a possibilidade de retorno ao tricolor e demonstrou o desejo de marcar seu nome na história do clube paraguaio com a conquista de um título.

Confira tabela, artilheiros e resultados do Campeonato Brasileiro

Lugano atendeu a imprensa após o treino do seu clube na tarde desta quarta-feira e falou sobre o interesse do São Paulo em contar com seu futebol na próxima temporada. Com a aposentadoria de Rogério Ceni, o zagueiro é tratado como um sucessor do arqueiro nos quesitos liderança e marketing. Porém, faltando cinco partidas para o fim do campeonato paraguaio, Lugano despistou sobre seu futuro e garantiu o foco na busca pelo título da competição. Hoje o Cerro está na segunda colocação, dois pontos atrás do Olimpia.

"Tenho contrato com o Cerro por mais um ano e meio. É inevitável que saia algo (sobre o São Paulo). Por sorte, porque mostra que alguns ainda me querem e vou bem. Mas por respeito a instituição, ao Cerro e à torcida, não posso falar de outra coisa que não seja tentar ser campeão nessas cinco partidas. É a única coisa que quero e penso. É minha obrigação como profissional e pessoa. Quero ser campeão com o Cerro e jogar a Libertadores. O futebol dá muitas voltas, quem disse que não posso ficar mais cinco anos no Cerro?", afirmou Lugano.

Em agosto, logo após assinar com o clube paraguaio, surgiu a informação de que o contrato de Lugano possuia uma cláusula de liberação automática em caso de proposta do São Paulo, o que foi negado por Daniel Caceres, diretor-executivo do Cerro . Juan Figger, empresário do jogador, também negou a informação, afirmando que o clube paraguaio tem direito de igualar a proposta e manter o jogador em seu elenco.

O nome do zagueiro é quase unânime junto a torcida, mas divide opiniões dentro do São Paulo. Enquanto o presidente Carlos Augusto de Barros e Silva, o Leco, diz que estuda a contratação do uruguaio, o vice-presidente de futebol Ataíde Gil Guerreiro, que no passado se mostrou contra a chegada do jogador, não demonstrou muito otimismo na contratação.

Dentro do CT, a contratação também gera discussão. Enquanto o técnico Doriva disse que a contratação deve ser analisada com calma e não apenas ser feita com base no histórico do jogador com a camisa do clube, o volante Wesley se mostrou favorável a chegada do zagueiro, citando o exemplo de Ricardo Oliveira, que tem a mesma idade de Lugano.

"Nunca sabemos o que um cara de 35 anos pode render. Uma idade avançada por atrapalhar, mas é só pegar o exemplo do Ricardo (Oliveira), que está comendo a bola. Depende muito do jogador. A diretoria resolve. Se vier, vamos ficar felizes", afirmou Wesley.

Diego Lugano tem contrato com o Cerro Porteño até agosto de 2016. No campeonato paraguaio, o zagueiro atuou em 10 partidas, ficando em campo praticamente os 90 minutos em todas, e marcou quatro gols. O clube já está garantido na Libertadores de 2016 como vencedor do Torneio Clausura.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas