Tamanho do texto

"Macaco negro safado, respeita a torcida. Otário vagabundo, faz por merecer o dinheiro que recebe", disse uma seguidora do meia do São Paulo, que postou a mensagem

Nem a boa vitória por 3 a 0 sobre o Sport  no final de semana serviu para deixar o ambiente tranquilo no São Paulo. Neste domingo, o meia Michel Bastos foi vítima de racismo nas redes sociais mesmo depois de pedir desculpas  por ter mandado a torcida calar a boca ao anotar o terceiro gol do time.

Conta no Instagram comete ato racista contra Michel Bastos
Instagram/Reprodução
Conta no Instagram comete ato racista contra Michel Bastos


Um seguidor do jogador no Instagram disse em uma das mensagens: "Macaco negro safado, respeita a torcida. Otário vagabundo, faz por merecer o dinheiro que recebe". O próprio Michel Bastos tirou um "print" da mensagem e postou na sua conta: "Tenho que ficar quieto ainda?". 

O jogador não falou se pretende denunciar a conta que escreveu mensagens racistas para ele.

Michel Bastos mandou a torcida do São Paulo ficar em silêncio
Getty Images
Michel Bastos mandou a torcida do São Paulo ficar em silêncio


Michel Bastos vinha sendo vaiado no duelo contra o Sport até marcar o seu gol, no segundo tempo de partida. Na comemoração, ele colocou o dedo indicador na boca pedindo silência aos torcedores. Ele recebeu muitas críticas pelo gesto e depois pediu desculpas. 

"Quero me desculpar com o torcedor do São Paulo que se sentiu desrespeitado pelo que fiz ontem no Morumbi. Errei ao fazer o gesto de silêncio, nada justifica isso, mas foi uma reação desmedida que acabei tendo por não concordar com quem vai ao estádio vaiar a própria equipe. Já aconteceram situações parecidas anteriormente e eu consegui lidar bem, mas acabei explodindo dessa vez e tendo essa atitude que, reitero, não é a correta", disse o meia.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas