Tamanho do texto

Técnico não joga a toalha e acredita no milagre da salvação

Jorginho tenta operar um milagre no Vasco, lanterna do Campeonato Brasileiro
Paulo Fernandes/Vasco.com.br
Jorginho tenta operar um milagre no Vasco, lanterna do Campeonato Brasileiro

Na lanterna do Campeonato Brasileiro, o Vasco faz contas e mais contas. O objetivo é escapar do rebaixamento. A derrota para o Figueirense, neste sábado, no Maracanã, piorou a situação do Cruzmaltino. Jorginho não joga a toalha e aposta em um "número mágico" para a salvação no Brasileiro.

"Pelo que vimos de média do Brasileiro nos últimos vamos, vamos precisar de uns 42, 43 pontos... Então, precisamos hoje de 30 pontos, para nos dar tranquilidade. Temos de contar com vitórias e empates. Hoje (sábado) seria um ponto precioso, no decorrer das circunstâncias. Não seria excelente, mas seria muito melhor do que perder. É passo a passo. Não adianta ficar pensando em ganhar 10 jogos direto porque isso é muito pouco provável. Precisamos manter a regularidade e engatar uma vitória", destacou Jorginho.

O Vasco tem apenas 13 pontos e não vence há sete jogos no Brasileiro. A pressão psicológica tem atraplhado o time em campo.

"Temos de ter maturidade e frieza neste momento. Não é fácil. Quando perde o jogo, perde gols, vêm flashs na cabeça, de tudo o que aconteceu. Precisamos combater essa situação com imagens de vitórias, relembrando que sete ou oito jogadores que começaram o jogo são campeões cariocas. São jogadores acostumados a decisões e a dificuldades. Fazemos de tudo, conversamos, motivamos, cobramos o que tem de cobrar... Temos de continuar acreditando. No momento que a bola entrar, tudo ficará mais fácil", declara o técnico do Vasco.

Na próxima rodada, nesta quarta-feira, às 19h30, o Vasco vai enfrentar o Internacional, no Beira-Rio.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.