Tamanho do texto

Clube ainda não rescindiu contrato do atleta e vai exigir seu retorno de pagamento não for feito até o final desta terça

Rodrigo Pimpão terá de voltar ao Botafogo caso árabes não paguem o valor da multa rescisória
Vitor Silva/SSPress
Rodrigo Pimpão terá de voltar ao Botafogo caso árabes não paguem o valor da multa rescisória

Não tem mais conversa: o Botafogo deu prazo ao Emirates Club. Se não receber, até esta terça-feira, a quantia de cerca de R$ 1,7 milhão - referente à multa rescisória de Rodrigo Pimpão - vai exigir o retorno do atleta.

Veja a classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias da Série B do Brasileirão

De acordo com o presidente Carlos Eduardo Pereira, o Botafogo ainda não assinou a rescisão de contrato com Rodrigo Pimpão. Desta forma, ele ainda está vinculado ao clube. Se o Emirates não efetuar o pagamento, o clube vai comunicar a Pimpão que ele tem de voltar para Generel Severiano.

Rodrigo Pimpão era um dos destaques do time na temporada e artilheiro do Alvinegro na Série B, com sete gols. O bom momento chamou a atenção. De acordo com o presidente, o Botafogo não queria negociar o jogador. Porém, o clube dos Emirados Árabes anunciou que pagaria a multa, levando o atleta. Porém, ainda não efetuou o pagamento. O Fogão faz jogo duro e não vai aliviar o lado do Emirates.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.