Tamanho do texto

Soberana nas duas últimas temporadas na França, PSG teve menos investimento em 2014/2015 e números da defesa e ataque são inferiores em relação aos últimos anos

O milionário PSG não costuma poupar esforços para se reforçar. Dono do clube, o Sheik Nasser Al-Khelaifi, vem investindo pesado desde que adquiriu 70% do time francês em 2011. Foram mais de 430 milhões de euros, cerca de R$ 1,2 bilhão, em menos de quatro anos. Porém, para a temporada de 2014/2015, o investimento foi menor. A única grande contratação foi a do zagueiro brasileiro David Luiz, ex-Chelsea, trazido pela bagatela de 49,5 milhões de euros, cerca de R$ 143 milhões. 

Veja classificação, jogos, notícias e artilharia do Campeonato Francês


Com a chegada do jogador, que em tese atuaria ao lado de Thiago Silva, a torcida e críticos se apressaram em apontar a dupla de zaga do PSG como a melhor do mundo. No entanto, até o momento, os dois mal puderam ser vistos juntos em campo e o desempenho do time piorou em relação à última temporada.

Leia mais: Mercado europeu segue aberto, e tem brasileiro que ainda pode mudar de clube

Em 2012/2013 e 2013/2014, o PSG foi soberano e chegou ao título francês com sobras. Já em 2014/2015 vem colecionando alguns tropeços, mas segue perto dos líderes. O time de Laurent Blanc tem 41 pontos, quatro atrás do líder Lyon e três do vice Olympique de Marselha. O que mais chama a atenção é a diferença nos números defensivos.

Se na temporada passada, o PSG sofreu 23 gols em 38 jogos, média de 0,6 por jogo, nesta edição da Ligue 1 já levou 19 em apenas 21, média de 0,9 por partida. Os números não podem ser considerados terríveis, pois a média ainda é menor do que um gol por jogo, mas atualmente o PSG tem a sexta melhor defesa da competição.

Um dos motivos pela queda do desempenho da zaga é o pequeno número de jogos da dupla Thiago Silva e David Luiz juntos. Titulares da seleção brasileira na Copa de 2014, os dois foram eleitos para o time ideal da Fifa no prêmio da Bola de Ouro e são cercados de expectativas para fecharem uma verdadeira muralha no time francês. Com mais da metade da temporada europeia finalizada, os dois ainda não brilharam. Participaram de apenas 14 dos 42 jogos oficiais do PSG juntos (43%) e a zaga levou 13 gols. A aparição modesta da melhor zaga do mundo também se deve à lesão de Thiago Silva na coxa, que obrigou o brasileiro a ficar de molho por mais de dois meses.

Mas não é só a defesa que vem em queda. O ataque comandado por Zlatan Ibrahimovic já teve atuações melhores. Em 2013/2014, o PSG foi campeão francês com 84 gols marcados, média de 2,2 por partida. Nesta edição da Ligue 1 foram 38 feitos em 21. O sueco foi artilheiro na temporada passada, com 26 gols, nesta só tem oito.

Faltam 17 rodadas para o fim do Campeonato Francês e o PSG está nas oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa, onde terá o Chelsea pela frente. Para se sagrar tri consecutivo no nacional e buscar um lugar melhor no torneio continental, ataque e defesa precisam ser mais eficientes. Com Thiago Silva e David Luiz atuando juntos, o caminho pode ficar mais fácil.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.