Tamanho do texto

Com a saída de Fábio Mahseredjian confirmada, o clube gaúcho deve contratar Darlan Schneider, de 51 anos

Com a saída de Fábio Mahseredjian confirmada, o Grêmio  deve contratar Darlan Schneider como novo preparador físico. Aos 51 anos, o sobrinho do técnico Luiz Felipe Scolari será anunciado nesta semana como novo titular da função. Mahseredjian teve sua saída confirmada na última terça-feira pelo vice de futebol Fábio Koff - trabalhará com Tite, provavelmente no Corinthians, em 2015.

Barcos revela que não entende como recebeu o apelido de Pirata, mas se acostumou

Darlan Schneider já trabalhou no Grêmio, mas sem Felipão. Por indicação do técnico, ocupou a função em 1998 e 1999, quando ganhou um Gauchão e uma Copa Sul ao lado de Celso Roth. Nos tempos de Scolari, era Paulo Paixão que exercia o comando dos cuidados físicos do elenco gremista. Com seu tio, Schneider exerceu tal função na seleção portuguesa (2003 a 2008), no Chelsea (2008) e no Bunyodkor, do Uzbequistão (2009).

Mercado da bola: veja as transferências que movimentam o futebol brasileiro

A semana gremista começa com a volta do diretor de futebol Rui Costa, após viagem ao Uruguai. O motivo da ida a Montevidéu foi tratar questões burocráticas relativas ao meia Maxi Rodríguez, que será reaproveitado pelo Grêmio em 2015. O clube gaúcho nega que esteja negociando com o lateral esquerdo Álvaro Pereira, do São Paulo.

Douglas

Acertado com o Grêmio desde a semana passada, o meia Douglas está a um passo de ser anunciado como novo reforço. Nesta segunda, o clube gaúcho recebeu um documento assinado pelo atleta, o qual confirma sua contratação por um ano. A apresentação do ex-jogador do Vasco deve ocorrer ainda nesta semana.

Douglas receberá um salário dentro do teto imposto pela direção gremista, mais uma premiação por metas atingidas. Aos 32 anos, o articulador está prestes a iniciar sua segunda passagem pelo Grêmio. Entre 2010 e o início de 2012, conquistou um título gaúcho, vivendo ótima fase, quando treinado por Renato Gaúcho.

Nesta segunda-feira, o diretor de futebol Rui Costa retornou de Montevidéu, onde passou o final de semana acertando detalhes que envolvem a compra do meia Maxi Rodríguez junto ao Wanderers. Como o Grêmio ainda não quitou a dívida com os uruguaios, a viagem do executivo foi encontrar uma saída para esta situação. Maxi será reintegrado e aproveitado em 2015 pelo técnico Luiz Felipe Scolari.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.