Tamanho do texto

Com a presença da família do ídolo, clube abriu o espaço onde ficarão as homenagens dos torcedores. Fernandão morreu em junho vítima de um acidente de helicóptero

Pouco mais de seis meses depois do falecimento do ex-jogador Fernandão, o Internacional inaugurou um espaço para que a memória do ídolo seja eternizada. O Memorial Fernandão Eterno foi inaugurado na manhã desta sexta-feira, no Beira-Rio, com a presença da viúva Fernanda e dos filhos do casal, Enzo e Eloá.

"Nunca esperamos tudo o que está acontecendo. As pessoas me encontram na rua, me reconhecem, dão força e me abraçam, sem nunca terem me visto antes. É incrível o que ele representava para elas", disse Fernanda, emocionada com as homenagens. "O Fernandão foi o único jogador que passou por aqui com quem realmente cultivei uma relação de amizade. Isso sem falar no que ele significa para o clube", comentou o presidente do Internacional, Giovanni Luigi.

Fernandão morreu no dia 7 de junho, em Aruanã, no interior de Goiás, aos 36 anos, vítima de um acidente de helicóptero. No mesmo dia, torcedores colorados prestaram diversas homenagens em frente ao Beira-Rio, criando um mural em cultivo à memória do ídolo. Imagens deste mural estão presentes no memorial, bem como camisetas históricas usadas pelo jogador e outras fotos de momentos marcantes da carreira do maior ídolo da história colorada.

Contratado em 2004 pelo Inter, Fernandão ficou no clube até 2008. Em sua estreia, já mostrou estrela, marcando o milésimo gol da história dos Gre-Nais. Capitaneou o Colorado nas conquistas da Libertadores e do Mundial, ambos em 2006, e da Recopa, em 2007. Ganhou ainda dois estaduais, em 2005 e 2008.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.