Tamanho do texto

"Pelo que leio e ouço nas ruas, todo mundo entende que a culpa maior (do rebaixamento) não foi nossa", avaliou

O Botafogo  foi rebaixado para a Série B do Campeonato Brasileiro com a pior campanha da sua história, sofrendo 22 derrotas. Porém, o técnico Vagner Mancini acredita que poderá ser mantido na direção da equipe na próxima temporada.

Após o empate com o Atlético-MG , o treinador voltou a manifestar sua vontade de permanecer em General Severiano, embora a nova diretoria já tenha dado demonstrações de que Mancini deve ser substituído por outro profissional.

Veja como ficou a classificação final do Campeonato Brasileiro

O treinador sofreu seu quarto rebaixamento em cinco temporadas, mas não se sente culpado pelo fracasso do Botafogo. Na opinião do técnico, ele pretende continuar no comando do time para fechar, o que classificou, de "ciclo vitorioso".

"Pelo que leio e ouço nas ruas, todo mundo entende que a culpa maior (do rebaixamento) não foi nossa, treinador e atletas. Claro que nós temos uma parcela de responsabilidade e nos sentimos chateados por ver uma grande equipe cair. Quem está de fora não sabe o que nós vivemos ao longo dos últimos sete meses. O Botafogo vai ter que se organizar para entrar forte na Série B e voltar em 2016 com a mesma força de antes", disse o técnico.

Já o volante Marcelo Mattos lamentou os erros sucessivos cometidos pelo clube e que, em sua opinião, foram os responsáveis pela queda do Botafogo para a Série B em 2015. "Tivemos eleições e algo já começou a mudar. No meu pensamento, o Botafogo iria brigar por título em 2014. Espero que ninguém mais impeça o clube de crescer,como aconteceu neste ano", avaliou.


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.