Tamanho do texto

Equipe goiana venceu por 1 a 0 em casa e segue na briga pelo acesso à elite do futebol nacional em 2015

Ainda que temporariamente, o Atlético-GO ingressou na zona de acesso à elite do Campeonato Brasileiro. Atuando no Serra Dourada, fez o dever de casa e superou o ameaçado Bragantino, pelo placar de 1 a 0. O gol do triunfo mandante, válido pela 36ª rodada da Série B, foi marcado por Diogo Campos, aos 25 minutos da etapa inicial.

Com o providencial resultado, a representação de Goiânia chega aos 56 pontos e assume, provisoriamente, o quarto posto. Resta agora aos comandados de Wagner Lopes a torcida contra Ceará e Boa Esporte, que entram em campo às 21h50 (de Brasília), para enfrentar, respectivamente, ABC (fora) e Joinville (em casa).

Veja como está a classificação da Série B do Campeonato Brasileiro

Por sua vez, o Massa Bruta, estacionado nos 42 pontos, pode ter sua pontuação igualada pelo América-RN, primeiro membro da zona de rebaixamento. O Alvirrubro, no entanto, mede forças com a vice-líder Ponte Preta, às 21h50, no Moisés Lucarelli.

O próximo compromisso atleticano ocorre neste sábado, às 21 horas, diante do Sampaio Corrêa, no estádio Castelão, em São Luís-MA. Já o Leão de Bragança Paulista recebe o Paraná, no mesmo horário, mas sexta-feira, no Nabi Abi Chedid.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-GO 1 x 0 BRAGANTINO

Local : Estádio Serra Dourada, em Goiânia-GO
Data : 18 de novembro de 2014
Horário : 19h30 (de Brasília)
Árbitro : Marcelo de Lima Henrique (Fifa-RJ)
Assistentes : Rodrigo Henrique Correa-RJ e Luiz Cláudio Regazone (Asp. Fifa-RJ)
Público : 2.303 pagantes
Renda : R$ 48.200,00
Cartões amarelos : Thiago Primão (Atlético-GO); Geandro e Tobi (Bragantino

GOL
ATLÉTICO-GO : Diogo Campos (aos 25 minutos do primeiro tempo)

ATLÉTICO-GO : Márcio; Mateus Caramelo, Artur, Adriano Alves e Diogo Goiano; Willian Arão, Pedro Bambu e Thiago Primão (Wagner Carioca); Diogo Campos (André Luís), Kayke e Júnior Viçosa
Técnico : Wagner Lopes

BRAGANTINO : Matheus Inácio; Robertinho, Tobi, Leonardo e Magal; Geandro e Marcos Paulo (Caio); Luisinho, Sandro e Magno Cruz (Érick); Caboré (Washington)
Técnico : André Gaspar (interino)

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.