Tamanho do texto

Autor do gol da vitória do Corinthians sobre o Santos, atacante peruano estará fora dos jogos contra o Bahia e Goiás

Guerrero comemora gol da vitória do Corinthians no clássico contra o Santos
Fernando Dantas/Gazeta Press
Guerrero comemora gol da vitória do Corinthians no clássico contra o Santos

Autor do gol da vitória sobre o Santos, neste sábado, em Itaquera, o centroavante peruano Paolo Guerrero está animado para colocar o Corinthians na Copa Libertadores da América na reta final do Campeonato Brasileiro. Mas não poderá ajudar Mano Menezes nas duas próximas rodadas.

Leia mais: Guerrero marca contra o Santos, e Corinthians faz a trinca em Itaquera

"Está definido. Tentei falar com o treinador, mas ele não deixou", informou Guerrero, sobre o pedido para ser liberado pelo técnico uruguaio Pablo Bemgoechea dos amistosos do Peru contra o Paraguai, em 14 e 18 de novembro. Dessa forma, ele perderá os compromissos do Corinthians contra Bahia e Goiás, nos dias 16 e 19.

Guerrero ao menos deixou a sua equipe em boas condições de atingir a meta de chegar ao torneio continental. A vitória no clássico deste fim de semana fez o Corinthians subir para os 57 pontos, na quinta colocação. Como o Cruzeiro ou o Atlético-MG alcançará a vaga na Libertadores através da Copa do Brasil, a posição atual basta para a classificação.

"Mas todos os meus companheiros são importantes dentro do sistema montado pelo professor Mano. Agora é hora de pensar que temos mais cinco finais pela frente", projetou Guerrero.

Além de seu principal jogador, o Corinthians não terá o atacante Ángel Romero, que enfrentará o Peru com o Paraguai, na sequência do Campeonato Brasileiro. Já o meia Nicolás Lodeiro, reserva de Mano, defenderá o Uruguai diante de Costa Rica e Chile, em 13 e 18 de novembro.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.