Tamanho do texto

Depois de vencer por 2 a 0 na partida de ida no Maracanã, Flamengo pode até perder por um gol para ir à decisão

Acostumados a movimentar uma grande massa de torcedores, Atlético-MG e Flamengo escreverão mais um capítulo de grande rivalidade nesta quarta-feira, quando se enfrentam às 22h, no Mineirão, em confronto válido pela rodada de volta das semifinais da Copa do Brasil.

Atual campeão, o time carioca fez a lição de casa na ida, quando deixou o Maracanã com um triunfo por 2 a 0 e um pé na grande decisão. O time mineiro, porém, vai ter que mostrar mais uma vez que a fama de "Time da Virada" não é à toa.

Leia também: Atlético-MG coleciona milagres em mata-mata e tenta outro no Mineirão

Para se classificar o Atlético terá que ganhar por três ou mais gols de vantagem. Caso devolva o 2 a 0, o time mineiro vai forçar a disputa de pênaltis. O Flamengo pode perder por um gol de diferença ou até mesmo por dois, desde que balance as redes rivais. Isso porque os tentos anotados como visitante valem para critério de desempate.

Jogadores do Flamengo comemoram gol na vitória sobre o Atlético-MG em duelo pelas semifinais da Copa do Brasil
Getty Images
Jogadores do Flamengo comemoram gol na vitória sobre o Atlético-MG em duelo pelas semifinais da Copa do Brasil

Apesar da ampla vantagem do Flamengo, nenhum dos lados dá a situação por definida: "O Flamengo conseguiu uma importante vantagem, mas sabemos que o Atlético Mineiro é um grande time e cresce quando joga em casa. A situação está em aberto e os dois times têm o DNA da vitória. Quem conseguir se impor estará na decisão", disse Vanderlei Luxemburgo, comandante do Rubro Negro.

Técnico do Atlético, Levir Culpi aposta na força de sua torcida e na mística do time nos mata-matas. Nas quartas de final, o Galo eliminou o Corinthians depois de ter perdido também por 2 a 0 na ida. Na volta, aplicou goleada por 4 a 1 e ganhou o direito de duelar contra o Flamengo. "Acredito que podemos inverter a situação e que a torcida do Atlético Mineiro poderá ter um papel determinante para nos levar a esta grande final. Vamos precisar fazer mais um jogo épico, mas como fizemos alguns assim nesta temporada estou confiante", analisou Levir.

Na visão do treinador, o Galo não vai poder deixar o Flamengo respirar: "Vamos precisar de uma partida em alto nível, sem deixar o Flamengo respirar um só minuto. Vamos precisar fazer marcação sob pressão os noventa minutos, como fizemos contra o Corinthians" - disse Levir.

Flamengo e Atlético-MG se reencontram no Mineirão depois de vitória rubro-negra no Maracanã
EXTRA/DIVULGAÇÃO
Flamengo e Atlético-MG se reencontram no Mineirão depois de vitória rubro-negra no Maracanã

Os jogadores do Flamengo já esperam por essa situação: "Nós sabemos que o Atlético Mineiro vai para o ataque com tudo, pois precisa fazer gols. Temos que nos preparar para essa pressão e conseguir encontrar uma fórmula que não deixe o adversário colocar o Flamengo acuado em seu campo. Se fizermos apenas atrás vamos acabar perdendo a classificação. Mas nosso time sabe lidar bem sob pressão e estamos confiantes", disse o goleiro Paulo Victor.

Em termos de escalação, Levir Culpi deverá confirmar Leonardo Silva ao lado de Jemerson na zaga, para melhorar assim o espírito de decisão do grupo. O restante da equipe deverá ser a mesma da partida de ida, já que no fim de semana Levir preservou parte dos titulares na derrota de 1 a 0 para o Atlético-PR pelo Campeonato Brasileiro. O lateral-esquerdo Emerson Conceição e os atacantes Jô e André, afastados por indisciplina, sequer foram relacionados e não jogarão mais pelo clube mineiro.

Já o Flamengo tem problemas para esta partida. O lateral-direito Leonardo Moura, com dores na coxa direita, foi vetado e abre vaga para Leo. O meia Everton e o atacante Gabriel, com dores na coxa esquerda, são dúvidas. Sendo assim, Luiz Antonio é a opção no meio e Nixon para o ataque. Léo Moura e Gabriel se machucaram durante a vitória sobre a Chapecoense, por 3 a 0, pelo Brasileirão, no fim de semana. Já Everton se lesionou no duelo de ida contra o Galo.

O classificado deste duelo vai enfrentar na decisão da Copa do Brasil o ganhador do confronto entre Santos e Cruzeiro, que se enfrentam no mesmo horário na baixada santista. Na partida de ida, os mineiros conseguiram abrir vantagem e venceram por 1 a 0, podendo agora avançar com um empate na Vila Belmiro, em Santos (SP).

FICHA TÉCNICA:  ATLÉTICO-MG X FLAMENGO

Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)
Data: 5 de novembro de 2014 (Quarta-feira)
Horário: 22h (de Brasília)
Árbitro: Anderson Daronco (RS)
Assistentes: Marcelo Carvalho Van Gasse (Fifa-SP) e Kléber Lúcio Gil (Fifa-SC)

ATLÉTICO-MG: Victor, Marcos Rocha, Leonardo Silva, Jemerson e Douglas Santos; Josué, Pierre, Dátolo e Maicosuel; Carlos e Diego Tardelli.
Técnico: Levir Culpi

FLAMENGO: Paulo Victor, Leo, Chicão, Samir e João Paulo; Víctor Cáceres, Márcio Araújo, Héctor Canteros e Luiz Antonio (Everton); Gabriel (Nixon) e Eduardo da Silva
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.