Tamanho do texto

Justiça italiana investiga atacante do Santos por envolvimento em caso de estupro coletivo denunciado por jovem brasileira

Robinho negou, por meio de nota oficial, qualquer envolvimento no caso de estupro denunciado por uma jovem brasileira na Itália durante sua passagem pelo Milan . O atacante do Santos é investigado pela Justiça do país europeu pelo caso que teria acontecido em janeiro de 2013 e que foi denunciado em julho do mesmo ano. 

Leia também: Robinho é investigado por envolvimento em estupro coletivo em Milão

A notícia foi publicada nesta quarta-feira pelo jornal italiano Corriere della Sera . No texto, Robinho diz que os veículos que publicaram a informação foram irresponsáveis e que não há nada de verídico nas acusações da brasileira. Ele ameaça processar os jornais que publicaram a informação, ignorando que ela apenas leva em conta um processo que corre na Justiça italiana, sem qualquer juízo de valor.

Robinho jogou no Milan de 2010 a 2014
Dino Panato
Robinho jogou no Milan de 2010 a 2014

Veja a nota publicada pela equipe de Robinho em seu site oficial

"Diante das informações envolvendo o jogador de futebol Robson de Souza (Robinho), noticiadas irresponsavelmente hoje nos meios de comunicações da Itália, e replicadas no Brasil sem qualquer apuração quanto à sua veracidade, Robinho afirma que não tem qualquer participação no episódio mencionado. Todas as providências legais já estão sendo tomadas.

Robinho lamenta o episódio, que é levantado sem qualquer fundamento, justamente em um período que atravessa uma boa fase profissional, pessoal e familiar.

Em relação ao caso de Londres, fato não apurado profundamente pela imprensa e lembrado agora de forma oportunista, Robinho informa que foi acusado de forma leviana e mentirosa; sendo que, após investigação policial (concluída), foi comprovada a sua inocência, e, em contrapartida, a autora da falsa acusação foi denunciada pela polícia londrina e responde processo pelo crime de falsa acusação e calúnia.

Robinho afirma que, apesar de revoltado, está muito bem amparado pela família e em Deus. Ele agradece a todos que torcem por ele, que conhecem sua índole, e, portanto, sabem que jamais cometeria tal ato"

Relembre outros atletas que estiveram envolvidos em problemas na Justiça


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.