Tamanho do texto

Thiago Primão marcou aos 47 e aos 49 do segundo tempo, garantindo a vitória por 2 a 0, no Serra Dourada

O Avaí não corria o risco de fechar a rodada fora do G-4, pois Ceará e Joinville fazem um confronto direto no sábado, tentou segurar ao menos o empate fora de casa, mas viu o seu adversário desencantar nos acréscimos do segundo tempo. Com direito a um golaço do meio de campo, Thiago Primão marcou aos 47 e aos 49 do segundo tempo, garantindo a vitória do Atlético-GO, por 2 a 0, no Serra Dourada.

Confira a classificação e os próximos jogos da Série B

Em pior posição na tabela, o time goiano usou sua força como mandante e foi melhor do que os catarinenses, garantindo no fim uma vitória que o deixa com 43 pontos, subindo para a 8ª colocação. Na zona intermediária da tabela, o Atlético-GO tenta seguir subindo na próxima rodada diante do Luverdense, terça-feira, às 21h50 (de Brasília), mais uma vez em Goiânia.

O Avaí, por sua vez, perdeu a oportunidade de ficar em situação tranquila, ficando com 52 pontos e com o risco de cair para a quarta colocação. Além disso, o time catarinense terá uma sequência complicada pela frente. Também na próxima terça-feira, às 19h30, a equipe catarinense viaja a Campinas para enfrentar a Ponte Preta, que lidera a Série B neste momento.

Jogo bom, mas sem gols

Mesmo como visitante, o Avaí carregava a responsabilidade de vencer por figurar entre os quatro melhores colocados. Sendo assim, o time catarinense partiu para o ataque e carimbou a trave do Atlético-GO já aos 15 do primeiro tempo. Os goianos, porém, não aceitaram a imposição do adversário e apenas dois minutos depois responderam da mesma forma, em chute forte de Willian Arão.

O bom iniciou animou os dois lados, que passaram a ter chances claras de gols. Aos 19, Anderson Lopes quase encobriu o goleiro Márcio depois de errar um cruzamento e jogar direto ao gol atleticano. O time da casa respondeu na sequência, obrigando o zagueiro Pablo a ajudar o goleiro Vagner, se esticar quase em cima da linha e evitar o primeiro do Dragão no Serra Dourada.

Depois de chegar muito perto, o Atlético-GO passou a ser melhor do que o adversário. Diogo assustou Vagner em mais um chute de fora da área, enquanto Josimar recebeu bom cruzamento de Caramelo, mas desviou de cabeça por cima do travessão do Avaí. Sem capricho nas finalizações, o time goiano fechou o primeiro tempo com melhor desempenho, mas sem refletir no placar.

Dragão desencanta com golaço

Animado com o bom primeiro tempo, o Atlético-GO assustou antes mesmo de ser completado o minuto inicial da etapa complementar. Se o Avaí conseguia oferecer perigo antes do intervalo, deixando a partida movimentada, o cenário foi diferente para o Leão, que já não tinha mais presença de ataque e parecia satisfeito com o empate sem gols no Serra Dourada.

Aos 16, Luciano Sorriso tentou o chute com efeito, mas ainda assim não marcou para o Atlético-GO. Na sequência, o Avaí, que parecia batido no jogo, resolveu voltar ao ataque e chegou com perigo: Diogo Felipe aproveitou a sobra na entrada da área, soltou a bomba e viu a bola mais uma vez carimbar a trave. O lance apontava o caminho para os catarinenses aliviarem a pressão.

Ainda com maior volume de jogo, era o Atlético-GO quem tinha a bola no pé e tentava furar o bloqueio feito pela defesa adversária, mas o Avaí sabia chegar com perigo em velocidade. Aos 24, Bruno Mendes recebeu de Diego Jardel na cara do goleiro e viu Márcio sair bem para fazer a defesa e evitar o gol visitante. A estratégia de se manter na defesa, porém, custaria caro aos catarinenses.

Já aos 47 do segundo tempo, Vágner fez bela defesa e mandou para escanteio, mas não conseguiu ter a mesma sorte na sequência. No cruzamento para a área, Thiago Primão se antecipou aos zagueiros e tocou de cabeça para o fundo do gol. Depois de desencantar, o autor do primeiro gol definiu o resultado com um golaço: ao perceber que o goleiro estava adiantado, primão chutou do meio de campo e ampliou a vantagem do Atlético-GO.

FICHA TÉCNICA
ATLÉTICO-GO 2 X 0 AVAÍ

Local : Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data : 14 de outubro de 2014, terça-feira
Horário : 21 horas (de Brasília)
Árbitro : Andrey da Silva E Silva (PA)
Assistentes : Marcio Gleidson Correia Dias e Luis Diego Nascimento Lopes (ambos do PA)
Cartões Amarelos : Pedro Bambu (Atlético-GO) e Pablo (Avaí)
Gols : ATLÉTICO-GO: Thiago Primão, aos 47 a aos 49 minutos do segundo tempo

ATLÉTICO-GO: Márcio; Mateus, Artur, Lino e Diogo Barbosa; Willian Arão, Pedro, Luciano Sorriso (Juninho) e Jorginho (Thiago Primão); André Luís e Josimar (Diogo Campos)
Técnico : Wagner Lopes

AVAÍ : Vagner; Bocão, Pablo, Bruno Maia e Eltinho; Julio César, Eduardo Neto, Diego Felipe e Diego Jardel; Anderson Lopes e Bruno Mendes (Héber)
Técnico : Geninho

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.