Tamanho do texto

No clube argentino pelo qual foi revelado, meia foi também duas vezes campeão nacional e conquistou uma Libertadores

Aos 39 anos, o ex-jogador Juan Sebastián Verón é o novo presidente do Estudiantes. Ele foi eleito no sábado pelo quadro de associados do clube, derrotando o mandatário em exercício, Enrique Lombardi, com 75,8% dos votos.

No clube argentino, pelo qual foi revelado profissionalmente, o meio-campista garantiu o acesso à primeira divisão e foi também duas vezes campeão argentino, além de ter conquistado a Libertadores de 2009.

Afora a equipe de La Plata, La Brujita (como é conhecido, pelo diminutivo do apelido do pai, conhecido como La Bruja) tem passagens ainda por Boca Juniors, Manchester United, Chelsea e Inter de Milão, entre outros. Com a seleção argentina, disputou as edições de 1998, 2002 e 2010 da Copa do Mundo.

No pleito de sábado, Verón recebeu 6.061 votos, contra 1.935 de Lombardi, que tinha como candidato a vice-presidente Carlos Salvador Bilardo, treinador que venceu a Copa de 1986 pela Argentina, quatro anos depois de ter sido campeão argentino pelo Estudiantes.

"Carlos não perdeu. Ele é Estudiantes e tem as portas abertas. Não há rancores nem nada, apenas uma nova forma de pensar o clube", disse Verón, confirmada a vitória nas urnas.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.