Tamanho do texto

"Os jogadores são submetidos a um esforço muito grande em um calendário desumano", disse Marcelo Oliveira

O excesso de jogos e o grande número de lesões têm preocupado o técnico Marcelo Oliveira, que nesta sexta-feira perdeu o meia-atacante Ricardo Goulart com estiramento na coxa esquerda. O treinador do Cruzeiro reclama do grande número de partidas que tem disputado neste mês e lamentou o problema físico do vice-artilheiro do Brasileirão.

"Os jogadores são submetidos a um esforço muito grande em um calendário desumano. O Cruzeiro joga com muita intensidade. É um time muito intenso, e os jogadores estão cansados. Não só a gente, mas outros clubes também estão sofrendo com contusões. Essa época do ano é muito corrida. Mesmo lamentando a contusão do Goulart, estamos convictos de que podemos fazer um grande jogo contra um adversário que é muito qualificado", declarou.

Veja como está a classificação do Campeonato Brasileiro

O técnico ainda falou sobre o artilheiro do Campeonato Brasileiro, Marcelo Moreno, que tem 12 gols na competição nacional. Marcelo Oliveira rasgou elogios ao goleador, destacando a excelente fase do boliviano e a sua extrema importância dentro do time mineiro.

"O Marcelo Moreno é um ídolo que já teve outra passagem por aqui, obteve conquistas e fez muitos gols. É um jogador extremamente profissional, que gosta de trabalhar e de treinar. Ele é fundamental no nosso esquema, e o vejo como um jogador decisivo, que vive uma excelente fase", comentou.

* Com Gazeta.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.