Tamanho do texto

Em queda no Brasileirão, time de Mano Menezes inicia briga por vaga na semifinal da Copa do Brasil diante de rival em alta

Corinthians vem de derrota para o Atlético-PR e caiu para o sétimo lugar no Brasileirão
Heuler Andrey/Getty Images
Corinthians vem de derrota para o Atlético-PR e caiu para o sétimo lugar no Brasileirão

O Corinthians terá de superar o seu mau momento e a boa fase vivida pelo Atlético-MG para começar bem as quartas de final da Copa do Brasil. A esperança do questionado técnico Mano Menezes é que a força demonstrada até aqui por seus atletas no que chama de "jogos grandes" volte a aparecer a partir das 22h (de Brasília), em Itaquera.

A formação do Parque São Jorge, que vem de derrotas para Figueirense e Atlético-PR, tem apresentado dificuldades diante de equipes consideradas menores. Nos clássicos e embates com times grandes, o aproveitamento é bem melhor.

"O momento não é bom, mas o grupo está fechado. A gente deu uma boa resposta no clássico", disse o capitão Ralf, referindo-se ao último "jogo grande" do Corinthians, a vitória por 3 a 2 sobre o rival São Paulo. Ele, outros atletas e o presidente Mário Gobbi saíram em defesa do chefe e querem lhe dar uma força com um bom resultado.

Em queda livre no Campeonato Brasileiro, o time paulistano tem na Copa do Brasil sua única esperança de título na temporada. Como ficar fora da Libertadores outra vez seria o que Renato Augusto chamou de "catástrofe", o troféu do mata-mata pode ser o caminho.

Mano tem todos os seus jogadores à disposição e deverá escalar formação parecida com a que perdeu no domingo, com Ralf no lugar de Bruno Henrique. Do outro lado, o técnico Levir Culpi, que convivia com muitos problemas físicos, vai ganhando opções na montagem do Atlético-MG.

Atlético-MG vem embalado no Brasileirão e subiu para o quarto lugar
DENIS DIAS/Gazeta Press
Atlético-MG vem embalado no Brasileirão e subiu para o quarto lugar

Dátolo, Luan, Jô e Marion foram liberados pelo departamento médico. São novas alternativas em um time que vem demonstrando força mesmo com desfalques. A equipe vem de quatro vitórias consecutivas no Brasileiro e espera carregar o embalo para a Copa do Brasil.

"É outra competição. A cobrança é igual ou maior para que a gente se classifique. Temos condição de fazer uma grande partida contra o Corinthians e avançar. Não acho que seja momento de tirar proveito da fase do Corinthians, mas de tomar cuidado. Eles estão sendo cobrados e vão vir para cima para se reerguer", comentou Guilherme.

FICHA TÉCNICA
CORINTHIANS X ATLÉTICO-MG

Local: estádio de Itaquera, em São Paulo (SP)
Data: 1º de outubro de 2015, quarta-feira
Horário: 22h (de Brasília)
Árbitro: Péricles Bassols Pegado Cortez (RJ)
Assistentes: Rodrigo Pereira Joia (RJ) e Rodrigo F. Henrique Correa (RJ)

CORINTHIANS: Cássio; Fagner, Gil, Anderson Martins e Fábio Santos; Ralf, Elias, Petros e Bruno Henrique; Malcom e Guerrero
Técnico: Mano Menezes

ATLÉTICO-MG: Victor; Marcos Rocha, Jemerson, Leonardo Silva e Douglas Santos; Josué, Leandro Donizete, Dátolo e Guilherme; Tardelli e Carlos
Técnico: Levir Culpi

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.