Tamanho do texto

Equipe carioca vem de dois empates consecutivos e busca o triunfo para se firmar no G4 da competição

Após empatar fora de casa com Atlético-GO e Oeste, ambos por 1 a 1, o Vasco reencontra a sua torcida neste sábado, às 16h10 (de Brasília), quando recebe o Náutico em São Januário, no Rio de Janeiro (RJ), em duelo válido pela 24ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro.

Com 40 pontos, o Vasco tenta seguir firme na luta para seguir no G4, a zona de classificação para a elite do futebol nacional. Já o Timbu, que soma 34, pretende encostar no primeiro pelotão e, de quebra, se recuperar da derrota de 2 a 1 para o Joinville, em casa.

Joel Santana, técnico do Vasco, acredita que sua equipe vai apresentar um melhor futebol diante do Náutico e aposta muito no fato da partida ser em São Januário. "Acredito que podemos crescer em termos de estilo e volume de jogo. Isso vai ser importante, ainda mais quando se joga em casa. Estamos trabalhando para que o Vasco consiga ter crescimento no momento certo da competição e atinja seus objetivos. Esse jogo contra o Náutico é estrategicamente muito importante", analisou Joel.

Veja como está a classificação da Série B do Campeonato Brasileiro

O otimismo do treinador é compartilhado pelos jogadores, embora estes reconheçam uma pressão pela vitória depois de dois empates consecutivos: "Infelizmente não conseguimos a pontuação que a gente esperava nesses jogos fora de casa, e isso deixou todos nós muito insatisfeitos", revelou Joel. O treinador concluiu: "A gente queria mais do que dois pontos e sabíamos que poderíamos buscar algo a mais. Infelizmente não veio, e também não adianta ficar lamentando o passado. Temos que pensar no agora e ganhar do Náutico passou a ser uma obrigação", analisou o zagueiro Rodrigo. Para este jogo o Vasco terá o retorno do zagueiro Douglas Silva, que cumpriu suspensão diante do Oeste e reaparece na vaga de Luan, que fica como opção no banco de reservas.

Pelo lado do Náutico, o técnico Dado Cavalcanti vê que o jogo contra o Vasco é uma grande oportunidade de recuperar os pontos perdidos em casa para o Joinville. "Esse jogo é complicado, mas pode falar muito em termos do que pretendemos lutar nesta Série B. Não conseguimos vencer o Joinville e se não quisermos nos distanciar da zona de classificação, vencer o Vasco é a única alternativa, mesmo sem ser tarefa das mais tranquilas", afirmou Dado.

O Náutico contará com o retorno do volante João Ananias, que cumpriu suspensão, e Paulinho, recuperado de dores no tornozelo direito. Eles reaparecem nos postos de Marcone e Cañete, respectivamente. Assim, o volante Elicarlos será mantido e o esquema mais cauteloso no meio de campo será adotado. O lateral esquerdo Roberto, com dores na parte posterior da coxa direita, foi vetado. Raí assume o posto.

No primeiro turno da Série B as duas equipes se enfrentaram na Arena Pernambuco, em Recife (PE), e o Vasco ganhou por 1 a 0, graças a um gol de Dakson.

FICHA TÉCNICA
VASCO X NÁUTICO

Local: São Januário, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 20 de setembro de 2014 (Sábado)
Horário: 16h10(de Brasília)
Árbitro: Fabrício Neves Corrêa (RS)
Assistentes: Alexandre Kleiniche (RS) e Carlos Henrique Selbach (RS)

VASCO: Martin Silva, Diego Renan, Douglas Silva, Rodrigo e Lorran; Pablo Guiñazú, Fabrício, Aranda e Douglas; Maxi Rodrigues e Kleber Gladiador
Técnico: Joel Santana

NÁUTICO: Júlio César, Rafael Cruz, Renato Chaves, Mario Risso e Raí; Elicarlos, João Ananias, Paulinho e Vinícius; Sassá e Crislan
Técnico: Dado Cavalcanti

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.