Tamanho do texto

Time carioca vem de três derrotas consecutivas e, com 22 pontos, aparece um ponto acima da zona de rebaixamento do Brasileirão. Já os baianos, com 20, estão em 19º

Maxi Biancucchi comemora gol do Bahia sobre o Botafogo no primeiro turno
FELIPE OLIVEIRA/ Agif/Gazeta Press
Maxi Biancucchi comemora gol do Bahia sobre o Botafogo no primeiro turno

No sistema de pontos corridos, a luta contra o rebaixamento também pode ser encarada como uma decisão. É com este espírito que Botafogo e Bahia estão encarando o duelo desta quarta-feira, às 22h, no Maracanã, válido pela 22ª rodada do Campeonato Brasileiro . O time carioca vem de três derrotas consecutivas e, com 22 pontos, aparece apenas um ponto acima da zona de rebaixamento. Já os baianos, com 20, estão no penúltimo lugar.

O Botafogo tem reforços para este jogo. Liberado de dores na perna direita, o lateral direito Edilson ocupa a vaga do zagueiro Dankler, que jogou improvisado no setor. Na esquerda, Julior Cesar cede o posto para Junior Cesar, que não foi ao Sul por estar resolvendo problemas particulares.

Os volantes Aírton, que cumpriu suspensão, e Mario Bolatti, que não enfrentou o Inter por questões contratuais, voltam nas vagas de Rodrigo Souto e Wallyson, respecticamente. No ataque, recuperado de uma amigdalite, Emerson Sheik entra no lugar de Pablo Zeballos.

Para este jogo o Bahia vai poder contar com o retorno do zagueiro Titi e do volante Fahel, que cumpriram suspensão contra o Figueirense. Porém, a satisfação foi tão grande com o rendimento contra os catarinenses, que o time de domingo será mantido.

No primeiro turno do Campeonato Brasileiro as duas equipes se enfrentaram na Arena Fonte Nova. Na ocasião, o Bahia ganhou por 1 a 0, com um gol do argentino Max Biancucchi no segundo tempo.

FICHA TÉCNICA -  BOTAFOGO X BAHIA

Local: Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ)
Data: 17 de setembro de 2014 (Quarta-feira)
Horário: 22h (de Brasília)
Árbitro: Igor Junio Benevenuto (MG)
Assistentes: Márcio Eustaquio Santiago (Fifa-MG) e Guilherme Dias Camilo (MG)

BOTAFOGO: Jéfferson, Edilson, Bolívar, André Bahia e Junior Cesar; Aírton, Gabriel, Mario Bolatti e Cachito Ramirez; Rogério e Emerson Sheik
Técnico: Vagner Mancini

BAHIA: Marcelo Lomba, Railan, Demerson, Lucas Fonseca e Guilherme Santos; Uelliton, Rafael Miranda, Léo Gago e Emanuel; Rafinha e Kieza
Técnico: Gilson Kleina

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.