Tamanho do texto

Técnico do Chelsea já aceitou convite da seleção portuguesa, mas à época foi impedido pelo Real Madrid de assumir o cargo

José Mourinho diz que não aceitaria convite da seleção portuguesa
AP
José Mourinho diz que não aceitaria convite da seleção portuguesa

O técnico José Mourinho negou ter recebido um convite para assumir o cargo de treinador da seleção portuguesa, vago desde a demissão de Paulo Bento, dispensado há uma semana, após a derrota em casa para a Albânia, pelas Eliminatórias da Eurocopa. O atual comandante do Chelsea também fez questão de deixar claro que está feliz em Londres.

"Não falaram (dirigentes da federação portuguesa) comigo. Eu não aceitaria", afirmou Mourinho em entrevista à TVi24 .

Multicampeão como técnico de clubes europeus, ele nunca treinou a seleção de seu país. Em 2010, Mourinho aceitou o convite da federação portuguesa, mas foi impedido de deixar o Real Madrid - time que então treinava - para assumir Portugal."Aceitei pelo coração, por ser inesperado e sentir que naquela altura a situação não estava fácil. Disse que sim. Convenci-me que ia para a seleção, mas o presidente (do Real Madrid) disse que era impossível", explicou.

O momento é de reconstrução para Portugal. Além do vexame em casa para a Albânia, a seleção lusa tenta se recuperar da fraca campanha na Copa do Mundo deste ano, em que foi eliminada na primeira fase.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.