Tamanho do texto

Na primeira parte da atividade, fechada à imprensa, o treinador testou o time no 3-5-2 e depois usou o 4-4-2

Felipão em treino do Grêmio
Lucas Uebel/Grêmio FBPA
Felipão em treino do Grêmio

Ainda não se sabe qual esquema o Grêmio levará a campo para a partida de sábado, no Maracanã, contra o Flamengo. Nesta quinta-feira, o técnico Luiz Felipe Scolari trabalhou com duas formatações táticas diferentes. Na primeira parte da atividade, fechada à imprensa, o treinador testou o time no 3-5-2; a seguir, montou seus comandados no 4-4-2, com três volantes. A atividade ocorreu no CT Luiz Carvalho, ao lado da Arena.

Veja como está a classificação do Campeonato Brasileiro

Felipão tem quatro desfalques para esta partida. Além de Riveros, lesionado no joelho, Barcos, Matías Rodríguez e Ramiro estão suspensos. Luan, que havia sentido a panturrilha, voltou aos trabalhos e poderá jogar no Rio. A equipe que treinou no 3-5-2 teve Marcelo Grohe; Geromel, Rhodolfo e Bressan; Pará, Matheus Biteco, Fellipe Bastos, Giuliano e Zé Roberto; Dudu e Lucas Coelho.

Para transformar este time num 4-4-2 foram realizadas apenas duas mudanças: Walace entrou no lugar de Bressan e Luan no de Lucas Coelho. Werley, titular até a derrota para o Santos, na Copa do Brasil, perdeu espaço de vez no elenco, e não treinou em nenhum dos dois esquemas como titular.

O Grêmio fará ainda mais um treino em solo gaúcho. Será nesta sexta pela manhã. A seguir ocorre a viagem para o Rio de Janeiro, local da partida deste sábado, às 18h30, horário de Brasília. O Tricolor é o 6º colocado do Brasileirão, com 28 pontos.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.