Tamanho do texto

Time gaúcho vem de derrota em casa na Copa do Brasil e Bahia, na 18ª colocação, está embalado por vitória sobre o Inter

Três dias depois de perder em casa para o Santos na Copa do Brasil, o Grêmio volta suas atenções para o Campeonato Brasileiro. Neste domingo, o time gaúcho receberá o ameaçado Bahia, atual 18º colocado, na Arena. Na 7ª colocação, a equipe pode ficar próxima do G4 em caso de vitória. A distância para o Corinthians, atual 4º colocado, é de seis pontos.

As dificuldades, porém, prometem ser grandes. Além de o Bahia não perder há sete jogos e ter sofrido apenas dois gols nesta sequência, o Grêmio vem de derrota na Copa do Brasil e com um clima pesado após os insultos racistas proferidos por alguns de seus torcedores na derrota para o Santos. O meia Zé Roberto condenou a atitude: "É lamentável, estamos no século 21. Aconteceu com um torcedor da nossa equipe. Se foi claro, e há imagem, tem que haver punição. O Brasil é um país que infelizmente tem muito disso", afirmou.

Dentro de campo, em vez de preocupação com o momento do time, há otimismo. Apesar da derrota para o Santos, o Grêmio teve boa atuação na maior parte do tempo, pressionando bastante o adversário. O técnico Luiz Felipe Scolari disse confiar na possibilidade de o seu time reverter a desvantagem na Vila Belmiro. Ainda assim, afirma que o jogo contra o Bahia é a prioridade do momento.

"Quem não estiver em condições não joga, quem estiver joga", afirmou o técnico, após o jogo desta quinta. Uma volta que deve ocorrer é a do argentino Matías Rodríguez, que ficou fora por opção de Felipão para a partida contra os paulistas. No meio, Fellipe Bastos certamente retomará sua posição, e Riveros também tem chances de retornar, caso se recupere a tempo de dores musculares. O Bahia, ao contrário, vem de uma grande vitória fora de casa no mata-mata. O elenco passou a semana toda em Porto Alegre. Na quarta, fez 2 a 0 no Inter pela Sul-Americana em pleno Beira-Rio.

Agora, há o jogo considerado o mais importante da "excursão" ao Sul, pelo Brasileirão, competição em que a equipe vai mal, na Arena do Grêmio. Apesar da ótima atuação diante do Inter, a equipe deverá ter mudanças para enfrentar o Grêmio. Fahel e Rhayner, poupados da partida no Beira-Rio, retornam à equipe, que poderá contar também com Maxi Biancucchi e Kieza. Um desfalque certo é o volante Léo Gago que, por pertencer ao Grêmio, não entrará em campo .

FICHA TÉCNICA
GRÊMIO x BAHIA

Local : Arena do Grêmio, em Porto Alegre (RS)
Data : 31 de agosto de 2014, domingo
Horário : 18h30 (de Brasília)
Árbitro : Péricles Bassols Cortez (Fifa-RJ)
Assistentes : Rodrigo Corrêa (Esp-RJ) e Dibert Pedrosa Moisés (Esp.-RS)

GRÊMIO : Marcelo Grohe; Matías Rodríguez, Werley, Rhodolfo e Zé Roberto; Ramiro, Fellipe Bastos e Giuliano (Riveros); Luan, Barcos e Dudu
Técnico : Luiz Felipe Scolari

BAHIA : Marcelo Lomba; Roniery, Demersonb, Titi e Pará; Fahel, Rafael Miranda, Diego Macedo e Rhayner; Maxi Biancucchi e Kieza
Técnico : Gílson Kleina

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.