Tamanho do texto

Atacante uruguaio teve revista punição dada pela Fifa que o proibia de participar de quaisquer atividades do novo clube

Luís Suárez fez seu primeiro treino no Barcelona nesta sexta-feira, um dia depois de o Tribunal Arbitral do Esporte permitir que ele integrasse o elenco principal do seu novo clube. O uruguaio foi punido pela Fifa em junho a quatro meses de suspensão de qualquer atividade relacionada ao futebol por conta da mordida que deu no ombro de Giorgio Chiellini, zagueiro da Itália, em partida da Copa do Mundo em Natal. 

Suárez fez seu primeiro treino no Barcelona nesta sexta. Ele só pode estrear no final de outubro
Emilio Morenatti/AP
Suárez fez seu primeiro treino no Barcelona nesta sexta. Ele só pode estrear no final de outubro


Por causa da sanção da Fifa, Suárez não pôde ser apresentado pelo Barcelona no Camp Nou e também esteve proibido de treinar com os novos companheiros desde o fim da Copa do Mundo. O clube tentou apelar contra a decisão da entidade, mas a Fifa não recuou e manteve a punição. Só o TAS pôde ao menos liberá-lo para treinar. 

Serão dois meses de treinos até ele poder estrear, no final de outubro, provavelmente contra o Real Madrid no Santiago Bernabéu. 

O Barcelona informou que o uruguaio será apresentado à torcida na próxima segunda-feira antes da partida contra o León, do México, válida pelo Troféu Joan Gamper. Na terça, o uruguaio será devidamente apresentado à imprensa e concederá sua primeira entrevista coletiva no novo clube. 

Treino de Luís Suárez no Barcelona. O uruguaio só poderá estrear no final de outubro
Emilio Morenatti/AP
Treino de Luís Suárez no Barcelona. O uruguaio só poderá estrear no final de outubro


    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.