Tamanho do texto

Técnico evitou aprofundar o tema relacionado ao chileno. Após a vitória sobre o Avaí, elogiou a atuação do argentino Allione

Ricardo Gareca, técnico do Palmeiras, admitiu não conhecer o atacante Willian José
Getty Images
Ricardo Gareca, técnico do Palmeiras, admitiu não conhecer o atacante Willian José

Valdivia se reapresentou ao Palmeiras nesta quarta-feira e, nos próximos dias, Willian José deve ser confirmado pela diretoria. Mas Ricardo Gareca não sabe se poderá contar com o chileno e não conhece o atacante que estava no Real Madrid, passou por São Paulo e Santos e foi campeão mundial sub-20 com a seleção brasileira em 2011.

"Não conheço o Willian José, mas me falaram bem do jogador", disse o treinador, sem também falar do atleta como reforço. "Sei que há um interesse e que tem possibilidade de chegar ao Palmeiras. Mas não sei ao certo como está a negociação", afirmou.

Willian José define os últimos detalhes para assinar até o final do ano. Já Valdivia treinou nesta manhã com quem não foi relacionado para o jogo contra o Avaí e dará entrevista coletiva nesta quinta-feira para falar sobre a negociação com o Al Fujairah, dos Emirados Árabes Unidos. Por enquanto, Gareca não sabe se o jogador mais caro do elenco estará à sua disposição.

"Sei que o Valdivia chegou e treinou, mas não sei sua situação", falou, com elogios ao chileno. "Sempre falei que gosto dele, mas estou focado nos jogadores que hoje posso contar. Ele é um problema da diretoria", definiu.

"Não sei em que condição física ele chega, se fica no Palmeiras, não sei quanto tempo demora para se preparar bem. Primeiro preciso ter segurança de que ele vai estar no time", continuou o argentino.

Técnico aprova atuação de Allione

Em sua segunda partida pelo clube, Allione voltou a agradar, dando dinâmica ao time pelo lado direito e aparecendo bem na frente também com dribles curtos. Gareca o coloca na mesma condição de Tobio, que voltou a ser titular nesta noite, e Mouche, autor do gol da vitória.

"O Allione foi bem, teve uma adaptação bastante rápida. Só depende dele ser titular. Se estiver bem, manter a competência e for competitivo... Precisa ter tempo para ir conhecendo os companheiros, mas a adaptação dos três jogadores que chegaram comigo, com o corpo técnico, foi bastante rápida", analisou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.