Tamanho do texto

Willians ou Cláudio Winck lutam por uma vaga entre os titulares domingo. Aránguiz, machucado, segue fora

Já virou rotina. Nesta sexta-feira, o técnico Abel Braga voltou a treinar com portões fechados, fazendo mistério quanto à escalação do Internacional para a rodada do final de semana. O local do trabalho foi o gramado do Beira-Rio, mesmo local que receberá a partida de domingo, contra o Santos, às 18h30 (horário de Brasília).

O objetivo do treino fechado é ter mais privacidade para conversar com os jogadores sobre as más atuações recentes. Diante do Bahia, o Inter apresentou um futebol decepcionante, e só venceu graças a uma falha do goleiro Marcelo Lomba. Quarta-feira a equipe voltou a jogar mal, perdeu em casa para o Ceará e comprometeu sua permanência na Copa do Brasil. Tanto Abel como seus jogadores reconheceram a atuação ruim no meio de semana.

Na prática, Abelão tem apenas uma dúvida para o jogo deste domingo: Willians ou Cláudio Winck. Titular desde o começo do ano passado, Willians foi mal diante do Ceará e tem sido questionado também por seu comportamento extracampo. Wellington e Wellington Silva, que não podem atuar pela Copa do Brasil por já terem jogado por outros clubes, estão de volta. Aránguiz, lesionado, segue dando lugar a Alex.

O Inter fará mais um treino antes do confronto com o Santos - será neste sábado pela manhã. A equipe deve entrar em campo no domingo com Dida; Wellington Silva, Paulão, Juan e Fabrício; Willians (Cláudio Winck), Wellington, Alex, D’Alessandro e Alan Patrick; Rafael Moura.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.