Tamanho do texto

Ricardinho, Diney e Henrique voltam no duelo contra o ABC, sábado. Os dois últimos estão recuperados de lesão

O América-MG não terá o lateral Gilson no jogo contra o ABC, sábado, no Independência. O jogador está suspenso pelo terceiro cartão amarelo e cumprirá suspensão automática. Mas a semana está sendo muito positiva para o técnico Moacir Júnior, que ganhou três reforços para o ataque americano: Ricardinho, Diney e Henrique.

Ricardinho cumpriu três jogos de suspensão pela expulsão contra o Vila Nova-GO, enquanto Diney e Henrique estão saindo do departamento médico. "Estou 100%. Sofri bastante nessas duas semanas. Tive uma fissura na costela, uma dor que incomodava muito, até para respirar", disse Diney.

Quanto à formação da equipe, Diney entende que a equipe rende bem com qualquer esquema de jogo. "O professor está buscando uma formação diferente. O time não está definido e ainda temos até sexta-feira para nos preparar. Muitos acham que o esquema com dois meias foi melhor porque vencemos o Oeste. Em Natal, com três volantes, também deu certo. Assisti ao jogo pela TV e vi que criamos muitas chances, mas a bola não entrou. Para mim, o time jogou bem. Só não conseguimos fazer o gol", comentou.

A liberação dos jogadores que estavam no DM, assim como ele, ocorre em um momento importante. Com todas as opões, Diney entende que o América-MG se transforma em um dos melhores grupo da Série B. "É muito importante a nossa volta, porque quando estamos com todo mundo nosso time é muito forte", concluiu.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.