Tamanho do texto

Lateral-esquerdo pediu uma recuperação rápida da equipe, que vai a campo nesta quarta-feira pela Copa do Brasil

Álvaro Pereira é titular absoluto da lateral esquerda do São Paulo
Friedemann Vogel/Getty Images
Álvaro Pereira é titular absoluto da lateral esquerda do São Paulo

A queda livre em que entrou o São Paulo , com duas derrotas seguidas no Campeonato Brasileiro, ligou o sinal de alerta. O uruguaio Álvaro Pereira, respeitado pelos companheiros e a comissão técnica, pediu uma recuperação rápida da equipe, que vai a campo nesta quarta-feira pela Copa do Brasil, contra o Bragantino.

"Temos que ter consciência de que temos que dar resposta forte já amanhã", disse, depois do treino desta terça-feira, no CT da Barra Funda.

Confira a tabela completa, classificação, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

"A análise que faço é de que, em todo jogo, o São Paulo começa sendo o protagonista. Falta conseguir essa vantagem, o primeiro golpe. A gente não está conseguindo. Não por má sorte. Depois que toma gol, fica mais exposto", seguiu.

Álvaro até fez alguma defesa do time nos tropeços para Chapecoense e Goiás, nas duas últimas semanas. Usou o argumento de que os dois adversários, considerados menores, fecharam-se muito bem e aproveitaram as poucas chances que tiveram, prejudicando qualquer reação. Por outro lado, cobrou que o favoritismo seja provado.

"Jogador é bom no papel, mas, ao entrar em campo, tem que demonstrar, como time. Individualmente, um jogador pode vencer um ou dois jogos, mas o campeonato é com o coletivo. Acho que todo o mundo tem esse pensamento. Coletivamente, temos que mostrar jogo a jogo que são jogadores de qualidade. Ficar só com nome não vence. Por isso é que tem que dar uma resposta forte", falou.

De bons nomes no papel, o grupo que Muricy Ramalho tem em mãos está cheio, principalmente do meio-campo para frente. O treinador dispõe agora de Kaká, de Paulo Henrique Ganso, Alexandre Pato, Alan Kardec e Luis Fabiano. Para o duelo desta quarta-feira, porém, apenas os dois mais jovens estarão à disposição. Luis Fabiano está lesionado, ao passo que Kardec não pode atuar por já ter defendido o Palmeiras na Copa do Brasil.

A escalação provável em Ribeirão Preto tem Rogério Ceni; Douglas, Paulo Miranda, Rafael Toloi e Álvaro Pereira; Rodrigo Caio, Souza, Maicon e Ganso; Ademilson e Alexandre Pato.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.