Tamanho do texto

Atual campeão bateu pontuação que tinha na 12ª rodada do Brasileirão passado e caminha bem para o bicampeonato

O Cruzeiro , campeão nacional de 2013, lidera com folga a edição de 2014 do Brasileirão e tem o melhor início de um defensor de título desde 2003, ano em que o principal torneio de clubes do País passou a ser disputado por pontos corridos. O time do técnico Marcelo Oliveira já tem 28 pontos em 36 possíveis, superando os 24 que tinha após 12 jogos, ou quase um terço do campeonato de 2013. 

Confira a tabela completa, classificação, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

Em 2004, quando também defendeu o título, o Cruzeiro tinha somado apenas 18 pontos após o mesmo número de jogos e estava em 10º a essa altura do torneio. Nas últimas 10 edições, o defensor de título que mais pontos fez após 12 jogos no ano seguinte foi o Santos, campeão de 2004, que somou 24 pontos em 2005. Mesmo assim o time da Vila Belmiro não era líder. 

Cruzeiro de 2013 tinha 24 pontos em 12 jogos, quatro a menos que em 2014

O São Paulo, tricampeão brasileiro entre 2006 e 2008, construiu suas campanhas com arrancadas do meio para o fim do campeonato. Em 2007, já campeão, o time do Morumbi tinha 19 pontos, cinco atrás do então líder Botafogo. Em 2008, com 20, tinha seis a menos que o Flamengo, que liderava àquela altura. 

O Cruzeiro de 2014 tem a terceira melhor campanha de um time do Brasileirão após 12 jogos desde 2003. Apenas o Corinthians, em 2011, e o Atlético-MG, em 2012, somaram mais pontos. O Corinthians tinha 29 e ficou com o título no final do torneio. Já o rival cruzeirense tinha 31 e terminou com o vice-campeonato há duas temporadas. 

Mesmo que não sejam definitivos, os números sinalizam que o Cruzeiro está muito forte na briga pelo bicampeonato. Ainda que tenha a concorrência do Corinthians, segundo colocado com 23 pontos, o time mineiro, com a mesma base de 2013, está repetindo a fórmula que o levou ao título há uma temporada. Com dois terços do Campeonato por vir, pode ser suficiente. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.