Tamanho do texto

Derrota para o Fluminense na última rodada interrompeu série de vitórias do clube paulista que já durava três partidas

Santos vem de derrota para o Fluminense
Matheus Andrade/Photocamera
Santos vem de derrota para o Fluminense

Apesar da derrota para o Fluminense no último domingo, o Santos não quer perder o embalo das três vitórias consecutivas anteriores. Para isso, promete ir para cima da Chapecoense , a partir das 18h30 deste sábado, na Vila Belmiro. Aliás, o estádio Urbano Caldeira é uma das armas de Oswaldo de Oliveira para voltar a vencer nesta 12ª rodada do Campeonato Brasileiro.

"Foi um pedido meu. Claro, com uma avaliação de diretoria e comissão técnica. A avaliação é que o Santos precisa mandar mais jogos na Vila Belmiro. É a nossa casa, então, é mais cômodo e confortável. Toda vez que puder, eu quero que o Santos jogue na Vila", lembrou o técnico, ao comentar o fato do jogo estar previamente marcado para o Pacaembu, em São Paulo.

E Oswaldo tem razão se os números foram analisados. Este ano, o alvinegro praiano atuou 15 vezes na Vila, venceu 13 e empatou duas. Está invicto, além de ter balançado as redes 45 vezes e sofrido apenas 10 gols de adversários em seu território.

Em campo, a única novidade é o retorno de Thiago Ribeiro, que está fora do time desde a sétima rodada por lesão, mas teve o retorno confirmado pelo técnico na vaga de Geuvânio. "A volta do Thiago é importantíssima, é experiente, e vai dar mais peso a nossa equipe no ataque", explicou Oswaldo.

Apesar de ocupar a 15ª colocação na tabela de classificação e ser o azarão do jogo, e talvez do campeonato, a Chapecoense tem jogadores experientes e surpreendeu o São Paulo na última rodada com uma vitória por 1 a 0 diante de 43 mil torcedores no Morumbi. Portanto, a ordem no Peixe é respeitar o adversário como qualquer outro.

"Apesar de não ser vista como muitos clubes são, os jogadores que passam por lá são de time grande. Às vezes não tem espaço no grande e vai para o clube menor. Muitos da Chapecoense têm condição de jogar em time grande. Mesma atenção e cuidado de quando tem o clássico", avisou o goleiro Aranha.

Chapecoense venceu o São Paulo na última rodada
Site oficial
Chapecoense venceu o São Paulo na última rodada

A Chapecoense vem do embalo de ter superado o São Paulo no Morumbi pelo Brasileirão, mas acabou eliminado da Copa do Brasil neste meio de semana para o Ceará. Após a desclassificação, o técnico Celso Rodrigues já passou a projetar o duelo na Vila Belmiro.

"Temos mais um jogo difícil, na Vila, contra o Santos, uma equipe muito rápida. Nós temos que manter o comportamento que tivemos nesse último jogo e também contra o São Paulo, que eu tenho certeza que a gente vai buscar pontos lá", afirmou, confiante. Sem nenhum desfalque, a Chapecoense chega a Santos completa e com o retorno do meia Camilo, poupado contra o Ceará.

FICHA TÉCNICA -  SANTOS x CHAPECOENSE
Local:
Vila Belmiro, em Santos (SP)
Data: 26 de julho de 2014, sábado
Horário: 18h30 (de Brasília)
Árbitro: Pericles Bassols Pegado Cortez (RJ-FIFA)
Assistentes: Rodrigo F. Henrique Correa (RJ) e Eduardo de Souza Couto (RJ)

SANTOS: Aranha; Cicinho, Bruno Uvini, David Bráz e Mena; Alison, Arouca e Lucas Lima; Thiago Ribeiro, Rildo e Gabriel.
Técnico: Oswaldo de Oliveira.

CHAPECOENSE: Danilo; Fabiano, Rafael Lima, Jailton e Rodrigo Biro; Wanderson, Dedé, Ricardo Conceição e Nenén; Camilo e Bruno Rangel.
Técnico: Celso Rodrigues

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas