Tamanho do texto

Duelo acontece neste domingo, às 16h (de Brasília), na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), pelo Campeonato Brasileiro

O técnico do Fluminense , Cristóvão Borges, comandou um coletivo na manhã desta sexta-feira, nas Laranjeiras, e deixou bem encaminhada a escalação para o confronto diante do Atlético-PR, neste domingo, às 16h (de Brasília), na Arena da Baixada, em Curitiba (PR), pelo Campeonato Brasileiro. Como já era esperado, o atacante Walter acabou barrado e será substituído pelo volante colombiano Valencia. Assim, o treinador abre mão do esquema 4-4-2, fortalece a marcação e passa a adotar o 4-5-1, com Rafael Sóbis isolado no ataque.

Confira classificação, tabela de jogos e artilharia do Campeonato Brasileiro

Cristóvão colocou Valencia como primeiro volante, com o colombiano formando dupla com Jean. Cícero, que vinha atuando mais recuado, ganha mais liberdade para formar um trio de apoiadores com Wágner e com o argentino Darío Conca.

"Temos que nos preparar bem para enfrentar um adversário que tem um contra-ataque muito forte, como é o Atlético Paranaense. O adversário não definiu a escalação e pode entrar de duas maneiras diferentes. Precisamos estar preparados para as duas hipóteses", afirmou o comandante.

Muito criticado pela torcida, Walter será reserva no jogo contra o Atlético-PR
Getty Images
Muito criticado pela torcida, Walter será reserva no jogo contra o Atlético-PR

Cristóvão ainda considera que a equipe não vai ficar muito defensiva. "Não tenho o hábito de colocar os meus times na defesa e é a primeira vez no Fluminense que entro com um volante de marcação. Não me preocupo com isso, pois conto com jogadores de versatilidade. Além disso, ganhamos o Cícero em outra posição, a mesma que ele desempenhou muito bem no Santos", declarou.

A escalação só não foi totalmente confirmada pelo treinador porque o zagueiro Henrique deixou o treino desta sexta-feira antes do fim reclamando de fortes dores na coxa direita. O jogador foi atendido pelo departamento médico, está sendo avaliado, mas se tornou dúvida para o duelo contra os paranaenses. Na atividade, Elivélton assumiu o posto e vai jogar caso o titular não tenha condições. Henrique será reavaliado na manhã deste sábado, porém, Cristóvão se mostra confiante em poder escalar o atleta.

"Como tivemos dois dias de treinos intensos pode ter acontecido de um ou outro jogador sentir o desgaste. O Henrique reclamou de dores e será reavaliado no sábado. Acredito que não seja nada grave e que poderemos contar com o jogador. Mas ainda é cedo para cravar qualquer coisa. Vamos ter que esperar por amanhã mesmo", afirmou o treinador.

Conforme já era esperado, o lateral-esquerdo Carlinhos volta ao time titular após ter cumprido suspensão na vitória de 1 a 0 sobre o Santos.

Com essa dúvida na zaga, o Fluminense deverá ir a campo para enfrentar o Atlético-PR com a seguinte escalação: Diego Cavalieri, Bruno, Gum, Henrique (Elivélton) e Carlinhos; Valencia, Jean, Cícero, Darío Conca e Wágner; Rafael Sobis.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.