Tamanho do texto

Na 14ª posição, com 11 pontos somados, a equipe catarinense está apenas a três pontos da zona de rebaixamento

Visando a partida diante do Vitória, neste sábado, no Heriberto Hülse, o técnico Wagner Lopes ocupou boa parte dos trabalhos durante a semana com treinos técnicos, dando ênfase às finalizações. O posicionamento da equipe nas jogadas de bola parada, tanto defensiva quanto ofensiva, também foi um aspecto exercitado exaustivamente pela comissão técnica.

Confira a classificação e os próximos jogos do Campeonato Brasileiro

Nesta quinta-feira, o treinador realizou os últimos ajustes na equipe para o duelo decisivo contra a equipe baiana. Na 14ª posição, com 11 pontos somados, a equipe catarinense está apenas a três pontos da zona de rebaixamento, encabeçada pelo Vitória, que tem oito pontos somados.

O time titular do Criciúma deverá ganhar um reforço para o ‘jogo de seis pontos ‘. O lateral direito Eduardo, que cumpriu suspensão contra o Atlético-PR, já está apto a voltar ao time e acredita que, por virem de um mau resultado, os atletas serão pressionados a conquistarem a vitória dentro de casa.

"Passamos uma rodada sem pontuar, e os times que estavam em baixo já encostaram na gente. Temos que ter muita cautela nesse próximo jogo porque não podem haver erros. A pressão está para o nosso lado, o time adversário está em uma situação pior, e nós precisamos somar pontos", comentou o jogador.

Ao falar da pressão por bons resultados, o atleta revelou que a cobrança é muito maior internamente. "A pressão nossa mesmo, do atleta, a cobrança de si próprio é bem maior. Temos pressão de jogador para jogador, uma cobrança positiva. A gente se cobra nos treinos e nos jogos, pois sabemos do potencial do grupo", avaliou.

Retorno adiado

Apesar de ter treinado entre os titulares durante a semana, o atacante Zé Carlos, repatriado pelo Criciúma durante a pausa para o Mundial, não teve seu nome registrado no BID (Boletim Diário Informativo) e terá de esperar por mais tempo para reestreiar com a camisa do Tigre.

O diretor de futebol do clube, Cláudio Gomes, confirmou à Rádio Difusora , emissora local, que o jogador ainda não está completamente desvinculado do ex-clube nos Emirados Árabes, o Al Sharjah FC.

O Criciúma tem até o dia 13 de agosto, prazo máximo para as transferências internacionais, para regularizar a situação do centro avante. Caso o empasse não se resolva em até sete dias, a CBF pode interferir para averiguar a situação.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas