Tamanho do texto

Equipe mineira mira a primeira colocação da Série B e vai a Natal para trazer os três pontos a Belo Horizonte

Vice-líder da Série B do Brasileiro , o América-MG quer conquistar a ponta da competição nacional nesta sexta-feira, em jogo contra o América-RN , às 21h, na Arena das Dunas. O time mineiro precisa vencer e torcer por um tropeço do Ceará, que joga no sábado contra o Santa Cruz, para assim ficar no topo da classificação.

O América-MG, porém, sabe que a missão não é das mais simples. Para o jogo em Natal, a equipe tem dúvidas na lateral esquerda e no meio-campo. O técnico Moacir Júnior espera pela liberação do lateral-esquerdo Gilson, que segue em tratamento de uma fadiga muscular, e terá que definir se vai escalar o time com dois volantes e dois meias ou três volantes e um meia.

Preocupado com o ataque do adversário, que já balançou as redes adversárias 19 vezes na competição, Moacir Júnior poderá ainda sacar Tchô da equipe e promover a entrada do volante Thiago Santos. Certo é que o centroavante Obina está recuperado de uma pancada recebida na rodada anterior da Série B e tem presença garantida na equipe.

"Para mim, o melhor é jogar com mais armadores. Como atacante eu quero a bola passando toda hora na área para eu buscar o gol, mas temos que ser ofensivos sem nos descuidarmos da marcação", afirmou o atacante americano, que tem Júnior Negão como sombra na briga por um lugar no time titular do América-MG.

Para seguir sempre brigando pelo G4, os americanos querem melhorar o rendimento do time jogando fora de casa. Se atuando como mandante o América-MG tem um aproveitamento de 83,3% com cinco vitórias e uma derrota, longe de casa o clube ainda não conseguiu embalar. Foram seis jogos, com duas vitórias, dois empates e duas derrotas, o que representa um aproveitamento de 44,4%. "Precisamos melhorar com certeza", disse Moacir Júnior.

Assim como os mineiros, o América-RN também quer um lugar no G4 da Série B, e para isso, conta com os três pontos contra os mineiros. O problema é que o técnico Oliveira Canindé tem vários desfalques para o jogo. Entre eles, está o atacante Max, ídolo do clube, que já havia ficado de fora do empate contra o Vasco no último sábado.

De acordo com exames realizados pelo clube, Max não está com hérnia abdominal e não terá de passar por uma cirurgia, mas ficará afastado para realizar tratametno. Além de Max, os potiguares perderam também Arthur Maia, lesionado no calcanhar e sem previsão de volta, e o meia Morais, que ainda está se recuperando de uma lesão muscular na coxa direita e só deve voltar em 15 dias.

Fora os lesionados, o América-RN não poderá utilizar Isac e Jean Cleber, que levaram o terceiro cartão amarelo e terão de cumprir suspensão na próxima rodada. O time ocupa a nona colocação na competição, com 17 pontos, e um triunfo deixa o time bem perto das primeiras colocações.

FICHA TÉCNICA
AMÉRICA-RN X AMÉRICA-MG

Local: Estádio Arena das Dunas, em Natal (RN)
Data: 25 de julho de 2014, sexta-feira
Horário: 21h (de Brasília)
Árbitro: Felipe Gomes da Silva (PR)
Assistentes: Bruno Boschilia (PR) e Marcos Santos Vieira (AM)

AMÉRICA-RN: Fernando Henrique; Marcelinho, Cleber, Roberto Dias e Wanderson; Márcio Passos, Val, Fabinho e Jéferson; Rodrigo Pimpão e Alfredo
Técnico: Oliveira Canindé

AMÉRICA-MG: Fernando Leal; Pablo, André, Vitor Hugo e Gilson (Eduardo); Leandro Guerreiro, Andrei, Mancini e Tchô; Obina e Willians
Técnico: Moacir Júnior

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.