Tamanho do texto

O Al Fujairah não entrou em acordo financeiro com o chileno e desfez a negociação para contratá-lo

O Palmeiras não anunciou oficialmente a venda de Valdivia, tanto que o mantém como jogador do clube em sua página na internet, mas não está muito disposto a recebê-lo de volta. A notícia vinda dos Emirados Árabes Unidos de desacerto entre o meia e o Al Fujairah gerou susto . Porém, há a esperança de acerto com outra equipe daquela região.

Valdivia não voltará ao Palmeiras
Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação
Valdivia não voltará ao Palmeiras

O presidente Paulo Nobre garante estar ciente do que tem ocorrido no, por enquanto, ainda inexistente acordo financeiro entre Al Fujairah e o chileno, e também recebeu informações de que Al Wasl e o Al Ahli querem o atleta que esteve no elenco que representou o seu país na última Copa do Mundo.

A impressão no Verdão é de que a mudança de discurso de Valdivia, que tinha descartado voltar ao mundo árabe, despertou o interesse de outras equipes dos Emirados, o que fez com que os representantes do meia pedissem um salário maior ao Al Fujairah. Não há, por enquanto, nenhum temor de não haver negócio segundo quem está próximo do jogador.

O Al Fujairah tinha aceitado pagar 5,5 milhões de euros (R$ 16,6 milhões) para levar Valdivia - o alviverde detém 54% dos direitos econômicos do jogador - e outros 2 milhões de euros (quase R$ 6 milhões) ao Al Ain como multa estipulada pelo ex-clube do meia caso o meia voltasse aos Emirados Árabes Unidos.

Por enquanto, as informações de amigos do jogador são de que Valdivia segue descansando no Chile e se apresentará ao Al Fujairah no dia 4, como tinha combinado quando recebeu presentes e posou para fotos ao lado de camisa do clube na semana passada.

Ricardo Gareca pouco treinou Valdivia e admitiu que ficaria surpreso caso o jogador voltasse. "Não sei do Valdivia. É uma notícia que você está me dando. Eu gostaria de contar com ele, claro, mas ele tem um mercado muito grande no exterior e recebeu uma proposta importante", comentou o técnico.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.