Tamanho do texto

Depois de perder em casa para o São Paulo sem mostrar reação, time baiano empatou com o Atlético-MG em BH

O Bahia empatou em 1 a 1 com o Atlético-MG no sábado e agradou o técnico Marquinhos Santos. De acordo com o comandante, a equipe evoluiu nesta retomada do Campeonato Brasileiro após a pausa para a Copa do Mundo e poderia até ter saído com a vitória no estádio Independência, em Belo Horizonte.

Atlético-MG erra demais, mas busca o empate com o Bahia no Independência

"Claro que a atual posição na tabela não agrada, até pela atitude demonstrada pelo grupo na volta do Brasileiro. Fico feliz com a evolução dos meus jogadores nessa fase da competição e agora nos esperamos conquistar mais pontos", analisou Marquinhos Santos.

Atlético-MG recebeu o Bahia no Independência
Cristiane Mattos/Futura Press
Atlético-MG recebeu o Bahia no Independência

Jogando melhor que o Atlético-MG no primeiro tempo, o Bahia ficou à frente do marcador até o fim do primeiro tempo. O empate aconteceu na etapa complementar, quando as duas equipes chegaram aos gols adversários com muito perigo.

Confira classificação, tabela de jogos e artilharia do Campeonato Brasileiro

"Acho que foi um jogo muito aberto, muito bem jogado. Uma partida em que as duas equipes buscaram a vitória. Cada qual com sua estratégia de jogo. Sabemos da qualidade do técnico Levir Culpi e do Atlético no Independência. Conquistamos o gol e poderíamos até ter ampliado. Mas sofremos uma pressão no fim, na qual o Galo poderia ter virado", ponderou o treinador do Bahia.

Com o resultado, o Bahia ficou na 16ª colocação da tabela de classificação do Campeonato Brasileiro, com nove pontos. Na próxima rodada da competição nacional, o Tricolor de Aço recebe o Internacional de Porto Alegre, no sábado, 26 de julho, às 21 horas (de Brasília). O palco do confronto será a Arena Fonte Nova, em Salvador.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.