Tamanho do texto

Apesar de o futuro adversário estar entre os últimos colocados do Campeonato Brasileiro, o lateral direito não subestima os baianos e cobra concentração de sua equipe

Fagner marcou o segundo gol do Corinthians na vitória por 2 a 1 sobre o Internacional
Miguel Schincariol/Gazeta Press
Fagner marcou o segundo gol do Corinthians na vitória por 2 a 1 sobre o Internacional

Autor do segundo gol do Corinthians na vitória sobre o Internacional, nesta quinta-feira, por 2 a 1. Fagner já pensa na próxima partida da equipe, contra o Vitória, no Barradão, neste domingo, às 16h (de Brasília). Apesar de o futuro adversário estar entre os últimos colocados do Brasileirão, o lateral-direito não subestima os baianos e cobra concentração de sua equipe.

"Será difícil, o Brasileiro é muito disputado, então, se você olhar a parte de baixo, o meio e o topo, você sabe que é muito competitivo. Nós sabemos que é complicado jogar lá e precisamos manter a concentração para sair com a vitória", afirmou Fagner.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

O Corinthians tem pouco tempo para se preparar para o próximo jogo. Depois da partida contra o Inter, os titulares fizeram apenas um treino regenerativo na academia do CT Joaquim Grava, nesta sexta-feira, enquanto os reservas participaram de um treinamento coletivo. No sábado, a equipe tem o último treino marcado, novamente no CT, antes de viajar a Salvador.

Mesmo com um período curto de preparação, Fagner acredita que o time paulista possa entrar em campo com o mesmo ritmo apresentado contra o Internacional, partida na qual a equipe surpreendeu ao marcar dois gols logo nos primeiros minutos de jogo.

"Dá para manter a intensidade. Até por que a gente trabalhou forte durante esse último mês. Acredito que recuperando bem nesses dois dias nós podemos chegar lá bem", avaliou.

Enquanto o Corinthians é o vice-líder do Campeonato Brasileiro, com 19 pontos, o Vitória vive uma situação completamente diferente e está em penúltimo lugar, com sete, mesma pontuação de Figueirense, Coritiba e Flamengo, as outras três equipes que estão na zona de rebaixamento.

A importância da parada

Contratado no início deste ano e em sua segunda passagem pelo Corinthians, o lateral é titular da equipe de Mano Menezes e contribuiu diretamente com o triunfo por 2 a 1, nesta quinta-feira, anotado o segundo gol. Ao ser perguntado sobre as principais mudanças da equipe durante a pausa da Copa do Mundo, o jogador apontou a melhora do entrosamento do grupo.

"Eu acho que conseguimos um pouco mais de entrosamento, que é importante durante esse período. Também fizemos trabalhos termos táticos e trabalhamos a parte física, o que é mais difícil fazer durante o campeonato", disse.

"Nesse período que a gente teve, deu para corrigir pequenas coisas com treinamento e com repetição. O mais importante são os atletas terem a simplicidade de reconhecer que precisa corrigir e trabalhar em cima disso. Acho que todo mundo trabalhou e foi importante", completou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas