Tamanho do texto

Resultado em Itápolis manteve as duas equipes bem longe dos líderes da Série B do Campeonato Brasileiro

Perto da zona de rebaixamento da Série B, o Oeste não conseguiu abrir distância com relação aos últimos colocados no retorno à competição. Nesta terça-feira, a equipe rubro-negra recebeu o Icasa em Itápolis, mas apenas empatou em 0 a 0 no estádio dos Amaros, diante de apenas 265 pagantes. A situação só não foi pior porque o time cearense ainda desperdiçou um pênalti no segundo tempo.

Com o resultado, os dois times ficam em situações parecidas na tabela. Na 13ª colocação, o Icasa soma 12 pontos, enquanto o Oeste, no 15º lugar, tem apenas um a menos. A situação é preocupante porque o primeiro time da zona de rebaixamento, o Bragantino, aparece com 10.

Veja como está a classificação do Campeonato Brasileiro da Série B

Em um jogo muito equilibrado, o Oeste tomou a iniciativa desde os primeiros minutos, mas teve dificuldades para furar o bloqueio cearense. Se o time do Icasa não chegava ao ataque, pelo menos marcava muito bem, até exagerando na marcação. Assim, os visitantes conseguiram segurar o empate sem gols.Já no segundo tempo, o jogo chegou a ser paralisado por causa de um problema em um dos gols. A arbitragem precisou se dirigir ao local e pedir para que a rede fosse novamente amarrada. O acerto não contribuiu para melhorar o nível da partida, que ainda era muito fraco tecnicamente.

Depois de segurar o ataque do Oeste, o Icasa teve a chance do jogo para sair com a vitória fora de casa. Aos 27, Núbio Flávio invadiu a área e ficou no chão. O árbitro, após muita reclamação, marcou o pênalti para os cearenses. Na cobrança, porém, Dodó parou na defesa do goleiro Paes, que acertou o canto direito.

O erro do Icasa poderia servir para animar o Oeste, mas o pênalti parece ter assustado o time da casa. Nos minutos finais da partida em Itápolis, os dois times concentraram os lances no meio de campo, deixando o confronto bem amarrado. Desta forma, foi só esperar o apito final para confirmar o 0 a 0.

Após o empate, o Oeste já volta a campo na próxima sexta-feira, às 19h30 (de Brasília), em um compromisso difícil. O time de Itápolis visita o embalado América-MG, que luta pela primeira colocação no Independência. O Icasa joga no dia seguinte, também contra um dos líderes, o Ceará, às 16h20, na Arena Castelão.

FICHA TÉCNICA
OESTE 0 X 0 ICASA

Local: Estádio dos Amaros, Itápolis-SP
Data: 15 de julho de 2014, terça-feira
Horário: 21h50 (de Brasília)
Árbitro: Igor Junio Benvenuto (MG)
Assistentes: Celso Luiz da Silva (MG) e Luiz Antônio Barbosa (MG)
Público: 265 pagantes
Renda: R$ 4.104,00
Cartões Amarelos: Wagninho (Oeste) e Danilinho (Icasa)

OESTE: Paes; Negretti, Lucas Bahia, Renan Diniz e Fernandinho; Everton Dias, João Denoni (Ramires), Eder (Borebi) e Wagninho (Fininho); Lelê e Serginho
Técnico: Francisco Diá

ICASA: Fábio, Paulo Henrique, Paulão, Gilberto e Zé Carlos; Jonatan, Dodó (Maksuel), Foguinho e Danilinho (Alan Mineiro); Bruno Nunes e Wagner (Núbio Flávio)
Técnico: Tarcísio Pugliese

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.