Tamanho do texto

Além da condição física, jogador passou por sucessivas lesões e sua última partida foi pela Copa São Paulo de Juniores ainda no começo do ano

Neílton, atacante do Cruzeiro
Paulo Lopes/ Cruzeiro
Neílton, atacante do Cruzeiro

Uma das novidades do Cruzeiro para o retorno do Campeonato Brasileiro após a pausa para a disputa da Copa do Mundo, o atacante Neílton não deve ser aproveitado nos primeiros jogos do time na volta da competição nacional. Para o técnico Marcelo Oliveira, o jogador ainda não está nas condições físicas ideais.

"Neílton precisa de força, massa muscular. Isso não deve se alongar por muito tempo mas será necessário para poder passar a entrar nas partidas. Também pesa o fato de ter ficado parado. Ainda é necessário um trabalho físico intenso", explicou o comandante cruzeirense.

Franzino, Neílton, de 20 anos, 1,66m de altura e cerca de 58 quilos, na visão da comissão técnica do clube mineiro, ainda não conta com o porte físico ideal para a primeira divisão nacional. A última partida do atacante no profissional foi em outubro do ano passado, no empate entre Santos e Internacional. Desde então, atuou apenas na Copa São Paulo deste ano, em janeiro.

Por sucessivas lesões e divergências contratuais com a diretoria santista, só voltou a jogar em um dos amistosos dos mineiros nos EUA. Mas, para Marcelo Oliveira, que diz ter gostado do que viu, foi o suficiente para elogiar o reforço.

"Ele tem toques e jogadas muito inteligentes. Nesse período de 20 dias que trabalhei com ele, pude ver um jogador criativo e técnico", declarou o treinador. Líder do Brasileirão, o Cruzeiro volta a campo na quinta-feira, contra o Vitória, no Mineirão.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas