Tamanho do texto

Ídolo santista ficou dois meses internado no Hospital Sancta Maggiore, em São Paulo, por causa da diabetes

Coutinho foi, ao lado de Pepe, um dos grandes parceiros de Pelé no Santos
Gazeta Press
Coutinho foi, ao lado de Pepe, um dos grandes parceiros de Pelé no Santos

Terceiro maior artilheiro do Santos , Coutinho está de volta a cidade em que se consagrou. Foram dois meses internado no Hospital Sancta Maggiore, em São Paulo, por causa de complicações com a diabetes. O ex-jogador teve de amputar três dedos do pé esquerdo, mas não se abateu. "Só não vou mais poder bater uma bola", disse à época.

Nesta quinta-feira, Coutinho, enfim, voltou para casa, para perto dos amigos e familiares. No entanto, o tratamento continua, pois a doença alcançou um estágio avançado e Coutinho não poderá pisar com a perna esquerda pelo menos por seis meses para não correr o risco de ter de amputá-la também.

Coutinho, disputou 457 jogos com a camisa do Santos, marcando 370 gols, superado apenas por Pelé e Pepe. Com a camisa da Seleção, participou como reserva da campanha do título mundial de 1962, no Chile.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas