Tamanho do texto

Palmeiras venceu o rival na Academia de Futebol atuando com seu time titular e com o elenco reserva

Tobio marca gol para o Palmeiras em jogo-treino
Divulgação
Tobio marca gol para o Palmeiras em jogo-treino

O Palmeiras recebeu a Ponte Preta na Academia de Futebol nesta quarta-feira para uma "rodada dupla" na preparação para a volta do Brasileirão. Os titulares palmeirenses venceram o primeiro confronto por 1 a 0, enquanto os reservas também triunfaram por 2 a 0.

Leia mais sobre o Palmeiras no iG Esporte

Visando o confronto contra o Santos, que marca a reestreia da equipe Alviverde no Brasileirão, o técnico Ricardo Gareca fez questão de escalar a equipe que imagina ser ideal no jogo-treino contra a Ponte. Portanto, o Verdão começou com Fábio; Wendel, Wellington, Tobio e William Matheus; Marcelo Oliveira, Renato, Wesley e Valdivia; Diogo e Leandro.

Confira classificação, tabela de jogos, artilharia e notícias do Campeonato Brasileiro

Lúcio e Henrique ficaram de fora desse time porque ambos foram advertidos com o terceiro cartão amarelo antes da pausa do Brasileiro para a Copa do Mundo e, portanto, terão que cumprir suspensão automática no jogo contra o Santos.

O duelo contra a Ponte durou aproximadamente uma hora minutos e o gol palmeirense saiu aos 22. Wesley cobrou falta do lado direito do campo de ataque para a área. A bola caiu direto na cabeça de Tobio, que completou para o fundo das redes. Logo depois, o Palmeiras ainda teve chances de ampliar o marcador com uma cobrança de falta de Valdivia.

Após a troca de lado de campo, o comandante do Palmeiras promoveu algumas alterações. Gabriel Dias entrou no lugar de Tobio e William Matheus saiu para a entrada de Rodolfo. Assim, Marcelo Oliveira, que começou no meio, foi deslocado para a lateral esquerda e Wesley ficou na contenção.

Além de Felipe Menezes e Fernando Prass, que seguem em tratamento de recuperação de lesões, o atacante Mouche também foi poupado. O novo reforço argentino teve dores musculares e ficou de fora do jogo-treino.

Os reservas entraram em campo logo depois e também venceram a Ponte Preta por 2 a 0. A equipe entrou com Deola (Bruno); Weldinho, Lúcio, Gabriel Dias e Victor Luis; Eguren, Josimar, Mendieta, Bruno César e Marquinhos Gabriel (Mazinho); Henrique. Mendieta e Henrique foram os responsáveis por balançar as redes.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.