Tamanho do texto

Atacante jogou contra o Uberaba no domingo e deu início ao lance do terceiro gol do Corinthians na goleada por 4 a 1. Mano prepara o time para a volta do Brasileirão e espera primeira vitória no novo estádio diante do Internacional

Angel Romero conversa com Mano Menezes no treino do Corinthians
Daniel Augusto Jr/Ag. Corinthians
Angel Romero conversa com Mano Menezes no treino do Corinthians

Ángel Romero atuou por poucos minutos no amistoso contra o Uberaba, neste domingo, mas deu um bom cartão de visitas. O paraguaio entrou no segundo tempo e deu início à jogada do terceiro gol do Corinthians , marcado por Elias. Mas os primeiros lances com a camisa do clube não renderam elogio de Mano Menezes. O técnico, pelo contrário, admitiu que o atacante ainda não está completamente à vontade em campo.

"Ele ainda está sofrendo na adaptação ao treinamento, está um pouco pesado em termos de movimentação. Ele gosta de receber a bola por dentro e isso dificulta a movimentação", analisou o comandante, reconhecendo as dificuldades de Romero em campo.

Primeira vitória na ''nova casa''

A preparação do atacante visa a partida contra o Internacional, no próximo dia 16, em partida que será realizada na Arena Corinthians. O duelo vale pela décima rodada do Campeonato Brasileiro e pode marcar a estreia oficial de Romero pelo time. 

De olho no time gaúcho, o técnico lembrou que seus comandados ainda não conquistaram nenhum triunfo na nova casa. Ele previu duelo difícil e cobrou maior empenho por uma inédita vitória no solo de Itaquera.

"No Campeonato Brasileiro todo o jogo é difícil. O Internacional vem trabalhando forte do mesmo jeito nessa parada", alertou. "Temos que fazer algo melhor para conquistar a primeira vitória. Jogamos mal no primeiro jogo e melhoramos um pouco no segundo, mas ainda não conquistamos essa vitória. Temos que trabalhar melhor dentro de campo", cobrou.

O duelo marca a volta do torneio após a parada para a disputa Copa do Mundo e opõe o terceiro e o quinto colocados, respectivamente.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.