Tamanho do texto

Meia argentino, que havia sido expulso em amistoso há dois dias, disse ter ''perdido a paciência'' com o companheiro

D'Alessandro, meia do Internacional
Lucas Uebel/Getty Images
D'Alessandro, meia do Internacional

O meia D’Alessandro definitivamente não vive um dos períodos mais tranquilos de sua trajetória no Internacional. Depois de ser expulso durante o amistoso contra o Metropolitano, na última quarta-feira, o argentino agrediu o volante Willians durante um treino na manhã desta sexta, em Florianópolis.

Durante a discussão, o argentino alegou ter "perdido a paciência" com o companheiro. Após a agressão, o técnico Abel Braga interveio e pediu o fim da briga. O meia saiu irritado e foi para o vestiário. Em abril, durante uma briga envolvendo o próprio Willians e o lateral Fabrício durante um treino, Abel havia dito que "tapa pode, mas soco não", minimizando o fato. Desta vez, como partiu para o soco, o camisa 10 de fato saiu mais cedo do trabalho.

De cabeça mais fria, D’Alessandro retornou posteriormente ao treino. A atividade foi a última antes do amistoso deste sábado, contra o Joinville, na Arena Joinville. Na derrota para o Metropolitano por 3 a 2, sua expulsão se deu por conta de uma reclamação contra a arbitragem.

* Com Gazeta

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.