Tamanho do texto

Atacante argentino já treinava com o grupo e só aguardava a resolução de questões relacionadas à documentação

Com alguns meses e várias rodadas de atraso, o primeiro reforço de peso pedido pelo treinador Celso Roth finalmente foi anunciado oficialmente pelo Coritiba , nesta quinta-feira. O atacante argentino Martinuccio, de 26 anos, já treinava com o grupo, mas esperava pela definição sobre sua documentação para ter o empréstimo até o final do ano confirmado.

Revelado pelo Nueva Chicago, da Argentina, o jogador despontou no Penãrol, quando foi campeão uruguaio e chegou à final da Libertadores da América, diante do Santos, em 2011. No mesmo ano, foi contratado como uma grande aposta do Fluminense, mas não vingou. Emprestado para o Villareal, da Espanha, e posteriormente ao Cruzeiro, nunca teve uma nova chance no Rio e tentará agora uma nova chance no país.

Na avaliação do próprio atacante, uma dificuldade de se adaptar ao estilo do futebol no Brasil o atrapalhou, mas agora a tendência é deslanchar. "No futebol brasileiro, tanto os defensores quanto o atacantes precisam correr e isso para mim foi difícil e demorei para me adaptar. Agora com três anos no Brasil já aprendi, isso foi o que não me ajudou no começo, no Fluminense", disse o argentino.

Martinuccio conheceu Roth na passagem de ambos pelo Cruzeiro e espera dar continuidade a uma parceria que deu alguns resultados em Minas. "Quando ele me chamou aceitei, porque ele me deu muita confiança no Cruzeiro, quando o jogador tem confiança e carinho do seu treinador, pode ajudar muito dentro e fora do campo", afirmou.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas