Tamanho do texto

Técnico cruzeirense quer ver a defesa levando menos gols e o time mais constante, como foi na vitoriosa campanha de 2013

Treinador está preocupado com o número de gols sofridos pela equipe cruzeirense
Washington Alves/Textual
Treinador está preocupado com o número de gols sofridos pela equipe cruzeirense

Líder do Campeonato Brasileiro com 13 pontos, o Cruzeiro não quer perder a ponta da competição e, para seguir vendo os adversários apenas pelo retrovisor, o técnico Marcelo Oliveira quer o time celeste mantendo uma regularidade. Assim como aconteceu na campanha de 2013, quando a equipe foi campeã com 11 pontos a mais que o segundo colocado.

Na temporada passada, na sexta rodada do Brasileirão, a equipe mineira ocupava o quinto lugar, com nove pontos, 12 gols feitos e sete sofridos, um a menos que neste ano. "Acho que a parte de gols pró está dentro e a pontuação está melhor que no ano passado. Mas o cuidado que a gente tem que ter é de não levar gols", declarou.

O treinador cruzeirense afirma que a regularidade é o segredo para o time manter o sonho de ser bicampeão brasileiro. "Nós levamos mais gols esse ano que em 2013. Foi bom ofensivamente e defensivamente a gente precisa cuidar um pouquinho mais e ficar um pouquinho mais constante, regular, porque é fundamental em um campeonato como esse", comentou.

Para o jogo de domingo, contra o Internacional, Marcelo Oliveira ainda não confirmou a equipe, mas existe a possibilidade de manutenção do time. "Mesmo time não tenho certeza. Não posso dizer agora. Vários jogadores acusaram desgaste físico em relação ao último jogo, que exigiu muito dos jogadores. Mas a base do time é essa, provavelmente sem mudança", disse.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.