Tamanho do texto

Treinador disse que ficou "chocado" após o Hull City abrir 2 a 0 na decisão da Copa da Inglaterra e exaltou a reação do Arsenal

Arsène Wenger recebe a taça de campeão das mãos do capitão do Arsenal, Thomas Vermaelen
Getty Images/Clive Mason
Arsène Wenger recebe a taça de campeão das mãos do capitão do Arsenal, Thomas Vermaelen

Após encerrar o tabu de nove anos sem conquistar um título com o Arsenal, o treinador Arsène Wenger analisou a caminhada do clube na FA Cup. Em coletiva neste sábado após o triunfo sobre o Hull City por 3 a 2 , o francês exaltou os adversários que os londrinos deixaram para trás.

"Olhando para trás, na nossa trajetória na competição, foi muito difícil porque jogamos contra Tottenham, Liverpool, Everton, Wigan e o Hull na final. Se você atuar contra qualquer time da Premier League, eles podem criar chances, marcar gols com jogadas ensaiadas e nós vimos isso hoje", disse Wenger.

Leia mais: Arsenal vence Hull City na prorrogação e é campeão da Copa da Inglaterra

O técnico também comentou o que sentiu quando viu o Hull City abrir 2 a 0 no marcador da final. "Estava chocado. Eles pareciam perigosos em todas as jogadas ensaiadas, mas esse time tem um espírito especial e eu sabia que eles iriam responder", afirmou.

Com a conquista deste sábado, Wenger se igualou ao ex-técnico Alex Ferguson como o maior vencedor da FA Cup, com cinco títulos. O francês já havia conquistado a competição nos anos de 1998, 2002, 2003 e 2005.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.