Tamanho do texto

Técnico ficou três anos no Lyon e declarou que não assumirá nenhum time no momento, pois precisa de tempo para respirar

Rémi Garde anunciou que sairá do Lyon no fim da temporada
Denis Doyle/Getty Images
Rémi Garde anunciou que sairá do Lyon no fim da temporada

Após três anos como técnico do Lyon, Rémi Garde confirmou nesta terça-feira que deixará o clube ao final desta temporada. A informação havia sido adiantada pelo presidente do time francês, Jean-Michel Aulas e já era especulada pela imprensa local desde segunda-feira.

"Não serei mais empregado deste clube a partir de 1 de julho, mas também não serei de outro. Preciso de um tempo. Sinto a necessidade de respirar, fazer uma pausa. Agradeço às pessoas que confiaram em mim, já que eu nunca havia dirigido uma equipe", declarou o técnico.

Garde comandava o Lyon desde 2011. É a primeira experiência do ex-jogador como técnico de futebol. No período, conquistou uma Copa da França e uma Supercopa, ambas em 2012. Neste ano, Garde não conseguiu uma campanha de sucesso no time, que corre risco de ficar de fora da Liga Europa na próxima temporada.

O clube ainda não decidiu pelo substituto do treinador, mas já adiantou que pretende trazer um técnico estrangeiro. Garde será consultado pela diretoria para ajudar a escolher o novo comandante do Lyon.

"Ele vai rescindir o contrato que, de qualquer forma, terminava no próximo dia 30 de junho. Pedi a Garde que me aconselhasse e ele vai participar dessa decisão. Teremos um treinador que não fala francês e que trará uma grande comissão técnica", adiantou Aulas, presidente do clube.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.